Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +

144.º Artigo - Óleos Alimentares Usados

O sofisma

Escreve quem sabe

2017-01-14 às 06h00

Ana Cristina Costa Ana Cristina Costa

O óleo vegetal é muito utilizado nas cozinhas dos portugueses, particularmente na época que agora terminou… em rabanadas, filhoses, sonhos, etc. E o que fazer com ele quando já não está em condições de utilização? Muita coisa … exceto deitá-lo pelo ralo abaixo! Aquela pequena quantidade que somos tentados a deitar pelo ralo abaixo pode contribuir para impactos indesejáveis no ambiente, além de entupir os tubos e prejudicar o sistema de tratamento de esgotos.

A reciclagem do óleo de cozinha usado está ligada também a outro tema atual: o biodiesel. Entregue-o à Braval ou outra empresa especializada e ela encarregar-se-á de o filtrar e produzir biodiesel que depois é utilizado em diversas viaturas, nomeadamente camiões, autocarros mas também viaturas privadas.
Em nossa casa, o óleo usado para fritar batatas, rissóis, panados e outros alimentos, assim como as gorduras vegetais escorridas dos enlatados (de atum, sardinha, etc.), podem ser reciclados. Despeje o óleo usado, quando frio, numa garrafa ou garrafão de plástico, com tampa de rosca. Deposite as garrafas num ponto de recolha ou ligue para a empresa.

Mas em casa podemos usá-lo para:
Acender a lareira! Embeba ligeiramente papel usado (ex. guardanapos ou papel de cozinha) e coloque por baixo da lenha, como faria com outras acendalhas.
Criar velas ecológicas!
Para isso podemos utilizar os pós existentes no “The Gratest Candles in the World (http://thegreatestcandle.com/pt-pt/)! Ou, apesar de um pouco mais dispendioso no início - é de salientar que é um conceito português - pode adquirir uma máquina de fazer velas OOn Candlemaker (http://ambientudo.blogs.sapo.pt/14232.html).

Ou fazer uma vela caseira:
Para isso vai precisar de: 1 litro de óleo de cozinha filtrado, 30 ml de ácido esteárico, corante (opcional), essência perfumada sem álcool (opcional), pavio para velas, recipientes de vidro (copos, frascos,…), palitos de madeira
Misturar o óleo e o ácido esteárico num recipiente apropriado a micro-ondas, e aquecer por 30 seg., retirar. Após verificação que os ingredientes estão derretidos, adicionar os ingredientes opcionais: essência e corante. Prender o pavio ao palito com fita-cola e a outra extremidade ao recipiente, centrando-o e fixando-o com um pouco de cera. Verter a cera no recipiente, com cuidado, para não deslocar o pavio. Deixar arrefecer e solidificar.

Outra opção:
90 ml de óleo de cozinha filtrado; 3 colheres de parafina; frasco de vidro; pavio; essência e corante (opcional). Num recipiente de vidro que possa ir ao micro-ondas, coloque o óleo e a parafina. Leve ao micro-ondas por 30 segundos, retire e mexa para ajudar a derreter. Leve novamente ao micro-ondas por 30 segundos. Repita até que a parafina derreta por completo, após o que deve colocar a essência (por exemplo 10 gotas de essência de alfazema) e corante lilás. Coloque a mistura no recipiente final da vela e, enquanto arrefece, coloque o pavio centrado (com a ajuda de um palito) e preso com uma mola da roupa. Quando estiver fria, retire a mola da roupa e corte o excesso de pavio com uma tesoura, deixando mais ou menos 1 cm.
Aqueles pedacinhos de lápis de cera que já não consegue usar para pintar, podem ser reciclados!

Materiais: caricas; lápis de cera partidos; lata vazia; pavios pré-encerados; panela pequena; tesoura; água.
Remova a etiqueta de papel dos lápis. Coloque os lápis na lata e os pavios pré-encerados nas caricas, centralizados e na vertical. Em seguida, usando uma panela pequena com alguns centímetros de água a ferver, coloque a lata em banho-maria e derreta os lápis de cera. Verta o lápis de cera derretido nas caricas e deixe arrefecer por 1 ou 2 horas.

Ou pode fazer sabão caseiro: 2 lt de óleo filtrado, 500 ml de soda cáustica líquida (cuidado pois é muito corrosiva! Use luvas, máscara e se possível em local muito bem arejado), 500 ml de detergente neutro.
Coloque todos os líquidos num balde de plástico e misture muito bem por 3 a 5 min com uma colher de pau, depois verta para recipientes de plástico. Só deve ser utilizados depois de 2 dias e na limpeza da casa.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.