Correio do Minho

Braga,

- +

A Taça é nossa, mas outros títulos virão

A força do martelo

Ideias

2016-05-26 às 06h00

José Manuel Fernandes José Manuel Fernandes

Fomos, este fim-de-semana, a capital do desporto em Portugal. Por mérito inquestionável do Sporting Clube de Braga, que conquistou a Taça de Portugal, e do ABC, que venceu a Taça Challenge em Andebol. São duas competições importantíssimas: uma no desporto rei, a outra numa modalidade que está no top 5 do desporto português.

O ABC, vinte e três anos depois da sua primeira final europeia, conquistou pela primeira vez a Taça Challenge em andebol e trouxe para Braga um dos mais prestigiados troféus do andebol internacional. Com a curiosidade de o ter feito na primeira final exclusivamente portuguesa da história da competição e conseguindo um troféu que, em Portugal, apenas o Sporting tinha vencido, dado que Benfica e Sporting da Horta já tinham disputado finais mas sem lograrem vencer. É mais um título, num palmarés riquíssimo, do melhor clube português de andebol, que pode ser ainda enriquecido com o triunfo no campeonato nacional.

Desculpem-me! Mas pelo simbolismo e importância da conquista da Taça de Portugal e dadas as minhas funções de presidente da Assembleia Geral do S.C. de Braga, assumo um particular destaque ao Futebol.
Desde a saudosa final de 1966, tínhamos perdido em quatro finais. Não esqueceremos a da época passada, em que deixamos fugir o 'pássaro' da mão: o Sporting Club de Portugal empatou já nos descontos e depois ganhou nos penáltis.

No domingo, assistimos a semelhanças perturbadoras! O Porto fez o empate (2-2) nos descontos e fomos - novamente - a penáltis. No mesmo dia, 22 de Maio, há 50 anos, o SC de Braga tinha ganho a Taça de Portugal. Esta coincidência prenunciava que todas as forças do universo iriam estar connosco e a 'conspirar' a nosso favor! Foi o que aconteceu. Tivemos na baliza o Marafona, que se tornou grande e herói ao defender duas penalidades, e uma enorme calma dos jogadores do SC Braga na concretização das mesmas. O mérito do SC Braga na conquista do troféu é inquestionável. Fomos fortes em termos físicos, tácticos e psicológicos.

Esta vitória, é a “cereja em cima do bolo” de uma década em que tivemos no SC Braga, de forma consecutiva, um crescimento sustentável. Conquistámos a Taça de Portugal, a Taça da Liga, a Taça Intertoto, fomos vice-campeões nacionais e por duas vezes estivemos na fase de grupos da Liga dos Campeões. Estas são marcas indeléveis de um crescimento sem paralelo no futebol português e que permitem ao Braga sonhar com mais conquistas, mais troféus e até títulos.

Este sucesso tem um guerreiro no comando: António Salvador. Faz uma gestão rigorosa e ambiciosa, constrói o imediato enquanto planeia o futuro. Em simultâneo, conquista e atinge excelentes resultados desportivos, consegue que o clube tenha as contas em dia e constrói alicerce e caminho para mais e melhor. Este trabalho gera confiança, respeito e até admiração, em Portugal e na Europa. A ambição, o futuro e a sustentabilidade estão sempre presentes, como demonstra a concretização da academia do SC Braga, que permitirá reforçar a sustentabilidade do Clube, as suas condições de trabalho, nomeadamente na área da formação desportiva.
Estou certo que a conquista desta Taça é o 'clique' para ainda mais sucesso.

É ainda a prova que os títulos não são um exclusivo de Lisboa ou Porto. Somos capazes. Com um orçamento muito inferior, conseguimos fazer mais.
Pretendo ainda reafirmar que o sucesso desportivo do SC Braga acrescenta valor à nossa região.
Por Braga, e graças ao nosso Braga, já passaram aqui grandes equipas europeias como o Milan, Sevilha, Tottenham, Bayern de Munique, PSG, Celtic, Arsenal, Liverpool, Manchester United… que colocaram o clube no mapa do grande futebol e a região com a notoriedade que só um veículo como o futebol proporciona.
Ganha a cidade, a região e todas as suas forças. Ganhamos todos!

Insisto que o desporto, e o futebol em particular, para além da formação de jovens e da promoção dos valores, é também relevante do ponto de vista da economia do território.
Presumo que ninguém duvida que através do SC de Braga promovemos, dinamizamos, tornamos a nossa região mais atractiva. Em simultâneo, reforçamos a nossa pertença, as raízes e o amor à Terra.

O Sporting Clube de Braga é um clube com história, construída por pessoas com uma paixão única e grande abnegação. É esta alma que marca a identidade de um clube, com capacidade de luta e firmeza permanentes na defesa de valores e do desporto como valorização humana e referência de uma terra e de uma região, com uma força tanto maior quanto as exigências e as batalhas que se nos deparam ao longo dos tempos e que queremos sempre maiores. Alicerçado na história, construiu um presente de sucesso que projecta um futuro ainda mais promissor.

O SC Braga corresponde à imagem da região: empreendedor e ambicioso. Somos todos do Minho. Guerreiros por natureza. Damos o máximo, não atiramos a toalha a chão, estamos habituadas às dificuldades e a vencê-las.
A Taça é nossa, mas outros títulos virão.

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

15 Setembro 2019

Diabo e empecilhos

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.