Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +

Controlo e minimização do ruído (II)

O sofisma

Escreve quem sabe

2011-06-20 às 06h00

Ana Cristina Costa Ana Cristina Costa

- Na fonte;
- Na transmissão/meio de propagação;
- No receptor.

Medidas para minimizar o ruído doméstico

- Falar em tom moderado, principalmente em ambientes fechados e respeitar o silêncio nocturno;
- Educar os canídeos a não ladrarem com frequência;
- Utilizar os equipamentos de som em volume moderado;
- Na compra de um electrodoméstico, preferir aquele que tenha a etiqueta de “eficiência energética”. Nestas etiquetas não só é apresentada a eficiência no consumo energético, como também outras características, tais como o ruído que emitem.
- Introduzir elementos elásticos nos revestimentos de pisos nas habitações (alcatifas, soalhos em parquet de corticite, etc.).

Medidas para minimizar o ruído de tráfego

Tráfego rodoviário

-Incentivo e reforço dos transportes públicos pois:
- são necessários menos veículos de transporte colectivo do que veículos ligeiros particulares para transportar as mesmas pessoas.
- Incentivo à mobilidade urbana (peões e veículos não motorizados):
- restringindo o trânsito em certas zonas;
- limitando as velocidades de circulação;
- criando corredores exclusivos para velocípedes, com parques de estacionamento.

Tráfego Ferroviário
- Controlar as irregularidades das rodas e dos carris.

Tráfego Aéreo
- Desenvolver motores mais silenciosos;
- Respeito pelas horas previstas na lei para descolagem e aterragem;
- Controlo do procedimento de aterragem e descolagem.

Actuar nas rodovias/ferrovias:

- Evitar declives acentuados;
- Utilizar barreiras acústicas naturais (ex. taludes, vegetação);
- Utilizar pisos com características de absorção acústica (interacção pneu - estrada).
- Instalar barreiras acústicas utilizadas ao longo das estradas ou linhas de comboio que devem ser altas e extensas, permitindo uma cobertura entre a fonte e os receptores.
- Construção de cobertura total (túnel) ou parcial de uma rodovia e/ou ferrovia contribui para uma redução significativa do nível de ruído existente mas têm custos bastante elevados.

Agir sobre os edifícios:
- Isolamentos acústicos
− Utilizar portas acústicas em casos de acesso directo da rua para a habitação;
− Utilizar janelas com bom isolamento.
- Design de edifícios:
− Os edifícios construídos junto de estradas funcionam como barreiras a outros. Não é recomendada a construção perpendicular à estrada, porque deste modo ambas as fachadas ficam exposta ao ruído;
− A existência de lojas nos pisos inferiores mais sobressaídos protege os pisos superiores;
− A disposição das divisórias da casa deve ser feita de modo a que as áreas mais sensíveis (quartos) se situem nas fachadas opostas à fonte ruidosa (ex. tráfego).

Prevenção de ruído nos locais de trabalho

- Programa de manutenção periódica da maquinaria, pois peças gastas ou soltas, falta de lubrificação e de ajustes, e disfunções mecânicas implicam a geração desnecessária de ruído.
- Instalação de barreiras, que são colocadas entre as fontes de ruído e os trabalhadores, podendo ser formadas por painéis fixos ou móveis, constituídos por materiais isolantes, podem minimizar o ruído.
- Incentivo e consciencialização para a utilização dos protectores auriculares.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.