Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +

Criar um lar natural

Saldos com novas regras

Escreve quem sabe

2013-06-15 às 06h00

Ana Cristina Costa Ana Cristina Costa

Mantenha a casa arejada - para diminuir os poluentes dentro de casa, abra as janelas: 15 minutos de manhã e outros 15 ao fim do dia. Faça-o também durante o Inverno. Se tem fumadores que fumam dentro de casa, ou se vive numa zona muito poluída, considere a compra de um purificador do ar.

Diminua o formaldeído - este é um gás volátil tóxico e cancerígeno, existente em produtos tais como contraplacado e aglomerado, mobiliário, tecidos sintéticos e produtos de limpeza. Para reduzir as emissões mantenha a temperatura entre 18 e 21.ºC e a humidade entre 35 e 50%.
Melhore a qualidade do ar com plantas - as plantas de interior tais como aloé, clorófito, filodendro, hera, fico, lírio-da-paz e schefflera, são uma forma de purificar o ar pois removem vários poluentes do ar, incluindo benzeno, monóxido de carbono e formaldeído.

Evite a contaminação com bolor - instale ventiladores nas casas de banho e exaustor na cozinha; pode também recorrer aos desumidificadores e apare-lhos de ar condicionado.
Tire os sapatos ao entrar - descalce-se ao entrar em casa, e peça aos visitantes que o imitem, o que ajuda a impedir que os poluentes externos contaminem a casa.
Desista da limpeza a seco - pois muitos utilizam o perclo-roetileno, solvente que permanece nos tecidos e está associado ao cancro. Se tiver mesmo de o fazer, areje a roupa durante vários dias, antes de a pendurar no guarda-roupa.

Verifique os sistemas de climatização - inspeccione-os anualmente e, caso possuam filtros, mude-os a cada par de meses, durante o uso. Se tem uma lareira limpe-a regularmente e utilize só madeira bem seca.
Previna intoxicações por monóxido de carbono - os aparelhos que queimam combustível e não funcionam bem podem emitir CO. Instale um detector e alarme de monóxido de carbono e corrija todas as avarias dos aparelhos.

Use adequadamente os apare-lhos a gás - leia os manuais para assegurar uma utilização e manutenção correctas. A chama deve apresentar uma cor azul. Uma chama com a ponta amarela persistente indica o aumento de emissão de poluentes e a necessidade de reajustamentos. Mande consertar esse equipamento.

Opte por revestimentos não tóxicos - as alcatifas contribuem para a poluição do ar, não se resumindo ao formaldeído (usado na produção e coloração) mas também captam fumos, pó e outros poluentes que mais tarde libertam. Se puder substitua-a por soalho de madeira e utilize um verniz à base de água para acabamento. Os soalhos de vinil constituem outro problema já que emitem químicos. Pondere a substituição por mosaicos de cerâmica, soalho de madeira ou linóleo natural.

Use tintas à base de água - ao pintar a casa escolha produtos de base aquosa. Verifique a presença de tintas com base de chumbo pois era comum o seu uso nas construções até aos anos 80. A ingestão ou inalação continuada de níveis elevados de chumbo pode causar danos neurológicos permanentes, sendo as crianças as mais afectadas. Se necessitar de proceder à remoção dessas tintas contacte um profissional.

Localize radão e amianto - verifique se há radão (um gás radioactivo que ocorre naturalmente em certos solos e rochas, nomeadamente graníticas) na sua casa, pois a sua acumulação pode atingir níveis perigosos e a exposição prolongada pode originar cancros do pulmão. A solução é isolar de fontes radioactivas e ventilar. Contacte um profissional. Se a habitação é anterior a 1980 verifique também a presença de amianto, material muito usado no isolamento e por vezes detectado nas canalizações.

Mantenha a poluição electromagnética fora do quarto - elimine elementos eléctricos desnecessários existentes no quarto, como cobertores eléctricos, despertadores, computadores e televisores. Os campos magnéticos emitidos podem perturbar os padrões de sono e interferir na saúde. Substitua o despertador eléctrico por um a corda e utilize um saco de água quente em vez do cobertor eléctrico. Trabalhar no computador e ver televisão são actividades mais adequadas para a sala.

Deixa o teu comentário

Últimas Escreve quem sabe

15 Outubro 2019

Outubro um mês associativo

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.