Correio do Minho

Braga,

- +

Decisões de ano novo 2013

Sobre o alojamento no Ensino Superior

Escreve quem sabe

2012-12-29 às 06h00

Ana Cristina Costa Ana Cristina Costa

É preferível evitar o surgimento de um problema do que encontrar soluções para o mesmo. Também no que diz respeito ambiente isso se passa, pelo que, aqui damos dicas para iniciar o ano novo da melhor forma, contrariando as piores previsões, económicas e ambientais.
- Fazer uma lista de compras: evite o consumo supérfluo e o desperdício, e deve ir com tempo, de forma a conseguir comparar os preços e atenção que os mais baixos não estão na direcção dos olhos;
- Aproveitar as promoções e os produtos de época e da região: são normalmente mais baratos e com muito menor pegada ecológica, impulsionando a economia nacional;
- Comprar, quando a embalagem for inevitável, as de tamanho familiar, de recarga, retornáveis, recicladas, simples, e produtos concentrados;
- Eliminar a compra por impulso: usar a técnica das 48 horas (aguardar 2 dias para verificar se quer mesmo aquele produto);
- Aproveitar os saldos: os artigos chegam a ser mais de 50% mais baratos;
- Cozinhar mais em casa: e fazer um melhor aproveitamento das sobras alimentares. Exemplo, tomar o pequeno-almoço em casa, levar para o trabalho o almoço feito em casa;
- Comprar produtos usados ou em segunda mão, como móveis e roupas;
- Pedir emprestado: comparti-lhe malas, gravatas e outros acessórios de roupa para uma festa; ou bancos e acessórios de cozinha para um jantar;
- Pedir o gelado em cone em vez de copo de plástico;
- No local de trabalho, na máquina de bebidas quentes, usar uma caneca togo (um recipiente não descartável, lavável e durável);
- Recusar publicidade não endereçada ou entregue na rua;
- Evitar, o mais possível, a água engarrafada: na sua maioria dos locais a da torneira tem qualidade;
- Simplificar as festas: reutilizar enfeites; evitar toalhas, copos e talheres descartáveis; planear quantidades conforme o número de convidados; criar as suas próprias ofertas;
- Utilizar mais os transportes públicos e andar a pé, em vez de depender em demasia do veículo próprio, também permite poupar, ainda mais numa altura em que os preços dos combustíveis estão muito elevados, sem esquecer os custos com as portagens, o estacionamento e a manutenção da viatura.
- Aproveitar para fazer exercício: se viver num bloco de apartamentos, vá pelas escadas; para o serviço vá de bicicleta ou a pé e, se for demasiado longe, de transportes e abandone-os umas paragens antes;
- Manter a casa com temperatura agradável sem gastar energia: jogando com os estores e aberturas de janelas, ao longo do dia/noite;
- Preservar a qualidade do ar interior: evitando fumar no interior, limitando o mais possível o uso de produtos químicos, arejando os espaços, nomeadamente a cozinha e o quarto de banho e, caso seja necessário, usando canela, açúcar, cascas de citrinos, lavanda, etc. para perfumar o ar;
- Manter-se a par das actividades desportivas, culturais e recreativas locais: através dos sites de entidades conhecidas (municípios, associações, clubes, dependendo dos casos), de forma a participar localmente, não tendo de se deslocar para se divertir e conviver;
- Partilhar cultura: emprestando DVD, CD, livros, etc. pode reduzir custos e portanto impactos ambientais;
- Organizar a vida: evita chamadas telefónicas de último minuto, deslocações desnecessárias, compras urgentes a qualquer preço, etc.;
- Deixar de fumar: 1 maço/dia, 120€/mês;
- Juntar os trocos - mealheiro de 1,5 l com moedas de 0,50€, 1 e 2 €;
- Fazer uma avaliação da classificação energética da sua casa, por uma entidade competente: procure saber quais os principais pontos de consumo energético da sua casa e fique a conhecer onde e como pode poupar energia;
- Reduzir o tempo do seu banho: fundamental para uma poupança dupla - energia e água. Desligue a água enquanto não é necessária e tome duches rápidos em vez de banhos;
- Usar água fria para a lavagem de roupa de cor.
- Instalar chuveiros e torneiras de baixo fluxo: para reduzir o uso de água.
Pequenos gestos podem trazer uma poupança considerável!

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.