Correio do Minho

Braga, sábado

Carlos Rodrigues confirmado presidente do Instituto Politécnico de Viana do Castelo
Famalicão vence prémio de promoção empresarial

Carlos Rodrigues confirmado presidente do Instituto Politécnico de Viana do Castelo

Viana do Castelo reduz em 8% a quantidade de resíduos depositados em aterro

Ensino

2019-06-19 às 12h44

Redacção

Ministério da Ciência Tecnologia e Ensino Superior “validou” os resultados da eleição, em Abril, do novo presidente do Instituto Politécnico de Viana do Castelo, confirmando a vitória de Carlos Rodrigues.

O Ministério da Ciência Tecnologia e Ensino Superior “validou” os resultados da eleição, em Abril, do novo presidente do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) e “confirmou a vitória” de Carlos Rodrigues.
Em comunicado, o IPVC adiantou que, na sequência do parecer da tutela, “decorreu hoje (ontem) a reunião de continuação do processo eleitoral para a presidência do IPVC”, tendo sido “confirmada a eleição do professor doutor Carlos Manuel da Silva Rodrigues como novo presidente” da instituição de ensino superior.

Segundo o IPVC, após a reunião, agora “o processo segue para homologação pelo ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior”.
O processo de eleição do novo presidente do IPVC foi suspenso a 30 de Abril devido a uma “dúvida jurídica”, apesar de um dos dois candidatos ao cargo ter vencido por dois votos de diferença.

Duas listas, uma encabeçada pelo actual vice-presidente do IPVC, Carlos Rodrigues, e outra liderada pelo ex-secretário de Estado do Governo PSD-CDS Vieira e Brito, disputaram as eleições para a presidência da instituição.
Na altura, o ainda presidente do IPVC, Rui Teixeira, explicou à Lusa que “Carlos Rodrigues venceu por 14 votos, contra 12 de Vieira de Brito” e que a “dúvida jurídica” residia no facto de “dois dos 29 membros do Conselho Geral que elegem o presidente não terem estado presentes”.
O Conselho Geral é composto por representantes das seis escolas que integram o IPVC e por instituições da região.
Os dois candidatos concorrem a um mandato de quatro anos e podem recandidatar-se uma única vez.

A presidência do IPVC era até agora ocupada por Rui Teixeira, de 62 anos. No cargo desde 2007, Rui Teixeira é licenciado em Ciências da Nutrição, mestre em Saúde Pública e doutorado em Economia por uma universidade espanhola.“Desenvolver e Consolidar para melhor servir”, foi o lema da candidatura de Carlos Rodrigues, vice-presidente do IPVC desde 2005.
Carlos Rodrigues tem 55 anos, é doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade de Aveiro, tendo ingressado no politécnico de Viana do Castelo em 1989.

A lista derrotada, liderada por Nuno Vieira e Brito, de 58 anos, teve como lema ‘IPVC/Estratégia 2023 - Uma Estratégia de Futuro’. Com cerca de cinco mil alunos, o IPVC tem seis escolas, ministrando 28 licenciaturas, 40 mestrados, 34 CTESP e outras formações de carácter profissionalizante. Além das escolas superiores de saúde, educação e tecnologia e gestão, situadas em Viana do Castelo, o IPVC tem escolas superiores instaladas em Ponte de Lima (Agrária), Valença (Ciências Empresariais) e Melgaço (Desporto e Lazer).

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.