Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Conseguir eleger um deputado é base de partida para campanha do Bloco de Esquerda
Câmara Municipal ajuda famílias Povoenses a pagar a creche

Conseguir eleger um deputado é base de partida para campanha do Bloco de Esquerda

Viana do Castelo já conta com 12 viaturas elétricas e quer renovar frota completa nos próximos dois anos

Conseguir eleger um deputado é base de partida para campanha do Bloco de Esquerda

Braga

2019-08-14 às 10h17

Patrícia Sousa Patrícia Sousa

Lista dos 24 candidatos do Bloco de Esquerda pelo círculo eleitoral de Braga foi entregue ontem no Tribunal Judicial de Braga. Cabeça de lista mostra-se “orgulhoso” de fazer parte deste projecto.

Acreditando que o programa eleitoral, apresentado pelo Bloco de Esquerda (BE), “é muito completo e está pronto para governar”, o cabeça de lista pelo círculo eleitoral de Braga, José Maria Cardoso, sente-se “orgulhoso” de ocupar o lugar de Pedro Soares, admitindo que “a base de partida” é eleger um deputado.
O dirigente e co-fundador do BE em Braga, acompanhado por outros candidatos, entregou ontem a lista no Tribunal Judicial de Braga. Antes de formalizar a entrega do documento, disse sentir-se “orgulhoso” de encabeçar uma lista “muito discutida e democraticamente debatida”. E o resultado é um conjunto de nomes que muito “orgulha” o cabeça de lista.

Quantas às expectativas, José Maria Cardoso foi peremptório: “não há nenhum partido que vá para eleições a pensar que vai perder ou ter menos votos. Temos um ponto de partida e temos um deputado eleito. Este resultado é a nossa base de trabalho e será sempre importante manter um deputado eleito no distrito”.
Mas o candidato deixou um repto aos votantes: “a presença do nosso deputado marcou a diferença já que o BE teve um papel muito importante e teve uma acção concreta muito específica. Se um deputado fez a diferença, ter dois ou três faria mais diferença do que ter mais um do PS ou do PSD, que já ninguém ouve falar e nem se sabe quem são, já que nunca mais se deslocaram ao distrito”.
Perante a realidade, José Maria Cardoso assumiu que “tudo o que seja mais do que isso é bem-vindo”, garantindo que o partido “tudo fará para que isso aconteça”.

Depois da apresentação do programa eleitoral a nível nacional, o círculo eleitoral de Braga aposta nas causas do distrito. “O combate às alterações climáticas e a questão do trabalho serão temas fulcrais da nossa campanha”, assegurou o cabeça de lista, adiantando outras causas a defender como “os direitos das pessoas com deficiência, os direitos dos LGBT e os direitos dos animais”. Mas há mais. José Maria Cardoso confirmou que o círculo eleitoral de Braga do BE vai ter “particular atenção à correcção de assimetrias, com o objectivo de criar mecanismos e meios de oportunidades, já que o distrito tem muitas assimetrias com grandes centros urbanos e um interior em vias de desertificação humana e é preciso criar políticas que equilibrem estas situações”.
Os serviços públicos, nomeadamente a saúde e educação, são outros “temas prioritários” para debater durante a campanha. “Queremos respostas concretas para os problemas reais”, defendeu o cabeça de lista.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.