Correio do Minho

Braga, quinta-feira

Derrota na Póvoa deixa Braga B em maus lençóis na II Liga
Ricardo Rio afirma que ´Braga não aceita nenhum retrocesso no nível de qualidade do Hospital´

Derrota na Póvoa deixa Braga B em maus lençóis na II Liga

“Guimarães Home Fashion Week” atrai compradores de mercados internacionais

Desporto

2019-04-20 às 15h01

Redacção

Com golo sofrido aos 85 minutos. Braga B perdeu com rival directo na luta pela manutenção e complicou ainda mais a vida na II?Liga. Guerreiros mais aflitos na penúltima posição.

Num jogo que era uma final para as duas equipas, o Varzim levou a melhor e agudizou ainda mais a crise para os jovens bracarenses liderados por Rui Santos. Num jogo de grande luta e entrega, os poveiros acabaram por ser mais felizes ao chegar ao golo na parte final, aos 84 minutos. Três pontos importantes para o Varzim, equipa treinada por César Peixoto , que venceu, por 1-0, em partida da 30.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol, decidida com um golo ‘tardio’ de Ricardo Barros.

O atacante dos poveiros desequilibrou um encontro em que os locais foram globalmente superiores, ao marcar aos 85 minutos, dando alento à formação orientada por César Peixoto na luta pela manutenção.
Apesar de não conseguir sair dos lugares de descida, mantendo-se no 16.º posto, o Varzim, com este triunfo, passou a somar 34 pontos, os mesmos de Oliveirense e Viseu, que estão nos lugares imediatamente acima.

Já o Braga B, com este desaire, vê a sua luta pela permanência complicar, não conseguido sair do penúltimo lugar da classificação, mas agora com quatro pontos desvantagem para o adversário de hoje. Apesar de necessitados de pontos, os minhotos entraram a apostar numa postura de maior contenção, perante um Varzim que desde cedo assumiu o controlo do jogo, mas com algumas dificuldades na finalização.

Ricardo Barros e Rui Pedro tentaram surpreender com remates de longa distância, mas não conseguiram alterar o ‘nulo’, que persistiu até ao intervalo.
O Braga B, que no primeiro tempo não tinha conseguido um único remate enquadrado com a baliza poveira, apostando, sobretudo na coesão defensiva, ainda tentou forçar o ritmo no regresso do descanso, mas o último passe comprometeu os seus contra-ataques.

Os locais continuavam por cima do jogo e, com as entradas de Cherif e Baba Sow, conseguiram dar mais desenvoltura ao seu futebol ofensivo, acabando por chegar ao golo na parte final.
Rui Coentrão descortinou a desmarcação de Ricardo Barros, que com um remate certeiro, já aos 85 minutos, apontou o tento que fixou o 1-0 final, perante um Braga B que não teve tempo para reação eficaz.

Jornada 30:
Covilhã - Porto B, 2-1
C. Piedade - Leixões, 1-1
Estoril - Oliveirense, 3-1
Farense - Penafiel, 1-1
Varzim - Braga B, 1-0

Jogam hoje:
11h: Paços Ferreira - Viseu
17h: Benfica B - Famalicão
18h: Académica - Mafra
18h: Vitória B - Arouca

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.