Correio do Minho

Braga, sábado

Escola Básica de Lamaçães vence concurso
Mais de 13 mil participantes em ações de educação ambiental

Escola Básica de Lamaçães vence concurso

Famalicão vence prémio de promoção empresarial

Ensino

2019-06-08 às 08h11

Redacção

‘SMART UP’ é o nome do projecto da Escola Básica de Lamaçães que venceu a ‘Expo Empresas Escolares’, uma iniciativa inserida no programa ‘UP Cávado: Empreendedorismo nas Escolas’. Evento reuniu cerca de 500 alunos de escolas de vários municípios.

Os alunos da Escola Básica de Lamaçães foram os vencedores da ‘Expo Empresas Escolares’, uma iniciativa que se inseriu no programa ‘UP Cávado: Empreendedorismo nas Escolas’ e que decorreu no Parque Municipal de Barcelos. ‘Smart UP’ foi o nome do projecto da escola bracarense, numa edição onde saíram também vencedores o projecto ‘Extra-Code’ da Escola Básica António Correia de Oliveira, de Esposende, e a Associação Patinhas Solidárias da Escola Básica e Secundária de Amares.
Com o objectivo de promover de uma cultura empreendedora, espírito de iniciativa, de cooperação e criatividade junto das comunidades educativas, o programa ‘UP Cávado: Empreendedorismo nas Escolas’ permite aos jovens em idade escolar o desenvolvimento de projectos empreendedores.
O evento reuniu cerca de 500 alunos e 27 professores. O Município de Braga participou com os Agrupamentos de Escola de Celeirós, Dona Maria II, Francisco Sanches, Real, Sá de Miranda e Trigal Santa Maria.
Segundo Lídia Dias, vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga, estas iniciativas assumem-se como “uma oportunidade para os alunos estimularem uma cultura empreendedora, exercitando a capacidade de desenvolver projectos e promover a aquisição de conhecimento, fortalecendo uma identidade regional de pertença para com o território”.
Este projecto permite que os alunos adquirem competências empresariais e empreendedoras, bem como de aspectos importantes para o trabalho e a vida, tais como a gestão ou controlo de alguma incerteza ou baixa auto-estima. “Estou certa de que o desenvolvimento destes programas no ensino básico e secundário é de grande ajuda no desenvolvimento da capacidade empreendedora dos nossos jovens”, conclui a vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.