Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Município de Braga convidado a partilhar projectos de promoção de sucesso educativo
Cruz Vermelha de Amares quer ter Posto de Emergência Médica do INEM

Município de Braga convidado a partilhar projectos de promoção de sucesso educativo

Escola de Agra ‘vira’ Centro de Convívio e Lazer

Município de Braga convidado a partilhar projectos de promoção de sucesso educativo

Braga

2019-07-28 às 06h00

Redacção Redacção

Lídia Brás Dias, vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga, frisa que o convite para o Município partilhar as suas boas práticas ao nível da promoção do sucesso educativo “é o reconhecimento” do bom trabalho que está a ser feito no concelho.

O Município de Braga foi convidado a partilhar as suas boas práticas em intervenção junto de alunos em risco de insucesso e abandono escolar’, no Encontro Intermunicipal com as Equipas Multidisciplinares, realizado em Amarante. Para Lídia Brás Dias, vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga este convite “é o reconhecimento da relevância do trabalho que tem sido desenvolvido no nosso concelho”.

O Município de Braga apresentou, neste encontro promovido pela Comunidade Intermunicipal do Tâmega, a constituição da Equipa Multidisciplinar dos projectos ‘Saber Crescer e Equipa Técnica de Articulação Educativa’, que contam com a intervenção de técnicos especializados em escolas dos 1.º, 2.º e 3.º ciclos.
“O Programa de Promoção do Sucesso Educativo (PIICIE) consolida o Projecto Educativo Local através da prevenção e acompanhamento de situações de risco, de iniciativas para sinalização e recuperação de jovens em situação de abandono escolar precoce e da diversificação de respostas sociais e educativas de modo a garantir igualdade de oportunidades de sucesso a todas as nossas crianças e jovens, repercutindo-se já em resultados efectivos”, destacou a vereadora da Educação.

Destacando o número de pessoas já envolvidas nestes projectos de equipas multidisciplinares, que só neste ano lectivo já abrangeram mais de 4000 alunos, a vereadora da Educação assinala que que estes números são indicadores da “abrangência do programa e da influência positiva que tem surtido na comunidade educativa”.
Na sessão, o Município de Braga deixou algumas indicações, apontando que esta intervenção pode assumir os formatos individuais, em pequeno grupo ou turmas, destinando-se a trabalhar com alunos ou grupos de alunos que evidenciem dificuldades de aprendizagem, de auto-regulação comportamental e emocional e/ou com factores sociofamiliares de risco.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.