Correio do Minho

Braga, terça-feira

Pontevedra promove património cultural e natural em Braga
Escola Básica de Ribeirão vai ser remodelada

Pontevedra promove património cultural e natural em Braga

Barcelos BUS já circula em nome de melhor mobilidade urbana

Braga

2018-06-13 às 06h00

Isabel Vilhena

A província de Pontevedra promoveu ontem, no Theatro Circo, uma “acção de charme” aos bracarenses. Em Setembro será a vez de Braga promover os seus activos turísticos junto dos galegos.

Um destino de valor imensurável em recursos culturais e naturais que serviu de base para a criação de produtos turísticos ligados ao património fortificado, arqueológico, paisagístico, literário, imaterial, natural, etnográfico, gastronómico, religioso e espiritual. Foi desta forma que a Província de Pontevedra apresentou ontem, no Theatro Circo, em Braga, a campanha de promoção deste destino intitulada ‘Somos Histórias” que tem por objectivo dinamizar a procura daquela região que, em 2017, foi visitada por mais de 200 mil portugueses.

A ‘operação de charme’ foi conduzida pela pela presidente da Deputación de Pontevedra, Carmela Silva, que se insere no plano estratégico de turismo da região, que prevê diferentes campanhas de promoção até 2020.
Carmela Silva assinalou que a província de Pontevedra “acumula 5 anos consecutivos de crescimento de turistas, sendo a província da Galiza onde a percentagem de visitantes aumentou e posiciona-se como a quarta província espanhola em crescimento. A cultura e o património são as principais motivações para visitar esta região espanhola, seguidos das praias e as paisagens, sendo que o Caminho Português da Costa (Santiago) é, também, um dos grandes atractivos para os visitantes portugueses, que são o principal grupo a fazer esta rota de peregrinação a Santiago de Compostela. No total o ano passado foram mais de 50 mil os peregrinos que fizeram esta rota, que atravessa a província de Pontevedra, com partida em Portugal.

Para a presidente da Deputación de Pontevedra é preciso ir mais além.“Queremos cativar turistas europeus e americanos. A região do Norte de Portugal e da Galiza, com todas as suas instituições e autarquias, têm de trabalhar em conjunto para criar pacotes turísticos que envolvam as duas regiões”.
Altino Bessa, vereador do Turismo, destacou a “forte relação histórica e cultural entre as duas cidades”, elogiando a iniciativa que servirá também para “promover todas as potencialidades bracarenses aos nossos vizinhos galegos, para que também eles sintam cada vez mais vontade de visitar Braga”.
Nesta campanha inversa, Braga irá apresentar o património, os roteiros religiosos, além da riqueza gastronómica”, adiantou o vereador, lembrando que actualmente Braga é uma das 49 finalistas das ‘7 Maravilhas à Mesa’.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.