Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Talento artístico dos jovens de Vila Verde distinguido na 7.ªBienal na Escola
Vitória SC vai à procura dos primeiros pontos na UEFA

Talento artístico dos jovens de Vila Verde distinguido na 7.ªBienal na Escola

João Alcaide e João Ferreira disputam liderança da JSD

Talento artístico dos jovens de Vila Verde distinguido  na 7.ªBienal na Escola

Cávado

2019-05-17 às 13h00

Isabel Vilhena Isabel Vilhena

A Biblioteca Municipal Professor Machado Vilela acolheu ontem a cerimónia de inauguração e entrega de prémios da 7.ª Bienal na Escola.

Jovens artistas foram ontem distinguidos na 7.ª edição da Bienal na Escola.
A cerimónia de inauguração da exposição e entrega de prémios teve lugar na Biblioteca Municipal Professor Machado Vilela.
Dos 40 trabalhos seleccionados, foram distinguidos três grandes prémios e oito menções honrosas.
Trata-se de um evento dedicado à arte que tem por objectivo promover o desenvolvimento artístico das crianças e jovens, incrementar o contacto da população com as várias formas de arte, servindo também para familiarizar com o evento ‘Bienal Internacional de Arte Jovem de Vila Verde’ que acontece no ano seguinte, bem como criar novos públicos e afirmar o concelho como ‘Vila Verde, Vila Criativa’.
Presente na cerimónia, o presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela, afirmou que “este evento é uma espécie de preparação para a Bienal Internacional de Arte Jovem que acontece sempre no ano seguinte à Bienal na Escola”, destacando o talento dos jovens vilaverdenses. “Acredito nas suas capacidades e qualidades dos jovens de Vila Verde e tenho a certeza que com a determinação e com a vontade de fazer sempre melhor o futuro do concelho de Vila Verde estará sempre assegurado”.
Por seu turno, a vereadora da Cultura, Júlia Fernandes, realçou que “esta tem sido uma aposta do município, apostar nas artes e no talento dos jovens que tem tido excelentes resultados ao longo dos anos a todos os níveis. Isso enche-nos de orgulho”.
Júlia Fernandes destacou o pioneirismo da Bienal Internacional de Arte Jovem que se realiza no próximo ano. “É a única que se faz na Península Ibérica e que dá oportunidade, servindo de rampa de lançamento para muitos talentos que têm surgido no nosso país e até fora dele”.
Os 40 trabalhos da ‘Bienal na Escola’ podem ser apreciados na Biblioteca Municipal Professor Machado Vilela até ao próximo dia 31 de Maio.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.