Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Terras de Bouro participou novamente no projecto Pimpolho
Famalicão é ‘Porto de Encontro’ no Natal

Terras de Bouro participou novamente no projecto Pimpolho

Polícia Municipal agredida à entrada do Hospital de Braga

Terras de Bouro participou novamente no projecto Pimpolho

Cávado

2019-11-12 às 20h13

Redacção Redacção

Pelo quarto ano consecutivo, a Câmara Municipal participou na implementação do projecto, no âmbito do protocolo de colaboração celebrado entre o município e o Hospital de Braga.

Pelo quarto ano consecutivo, a Câmara Municipal participou na implementação do Projeto Pimpolho–Projeto de Prevenção da Ambliopia, no âmbito do Protocolo de Colaboração celebrado entre o Município e o Hospital de Braga. A ambliopia, conhecida como “olho preguiçoso”, é uma doença exclusiva da infância e apenas tratável nesta faixa etária (até aos 5 anos). São objetivos do Projeto Pimpolho realizar uma avaliação oftalmológica a todas as crianças entre os 3 e 4 anos que frequentem os estabelecimentos de ensino público e privado da área do Município de Terras de Bouro e sinalizar todas as crianças com ambliopia ou fatores de risco ambliogénicos. O Hospital de Braga recebe as crianças nas instalações do Serviço de Oftalmologia, sendo a avaliação clínica de despiste da Ambliopia supervisionada por Médicos Oftalmologistas.

No corrente ano, as consultas realizaram-se nos dias 16 de outubro e 06 de novembro e destinaram-se às crianças nascidas no ano 2015. Na primeira deslocação ao Hospital de Braga participaram 25 crianças dos Jardins de Infância de Moimenta, Chorense, Carvalheira e Souto. Na segunda consulta participaram 13 crianças dos Jardins de Infância de Rio Caldo, Gerês e Valdosende.

A Câmara Municipal entende que esta iniciativa é muito importante na promoção da saúde das crianças e na melhoria da sua qualidade de vida, uma vez que, detetada atempadamente, a Ambliopia é tratável, sendo o tratamento menos eficaz depois desta faixa etária. Neste sentido, é objetivo do Município dar continuidade ao Projeto Pimpolho, encontrando-se já a colaborar com o Hospital de Braga na organização das consultas para o ano de 2020, em que serão destinatárias as crianças nascidas no ano 2016.

Considerando que só através de um efetivo trabalho de articulação e parceria entre todos os agentes locais se consegue concretizar esta e outras iniciativas, a Câmara Municipal agradece ao Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro e aos Centros Sociais de Souto e de Valdosende a participação e colaboração no desenvolvimento do Projeto Pimpolho.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.