Correio do Minho

Braga, segunda-feira

'Ulisses' encheu o Centro Cultural de Celorico
S. Paio d’Arcos sofre frente ao Vieira mas dá a volta na segunda parte

'Ulisses' encheu o Centro Cultural de Celorico

Peregrinas de Leste percorrem Caminho de Santiago

Vale do Ave

2018-06-14 às 16h05

Redacção

Alguns do atores mais jovens que integram o Grupo de Teatro Celoricense subiram ao palco do Centro Cultural este domingo, 10 de Junho, feriado nacional, e apresentaram a peça 'Ulisses' para uma plateia que se rendeu à interpretação dos jovens atores.

"Foi absolutamente incrível ver estes jovens em cima do palco, nota-se a evolução, o gosto pela representação. O GTC não é apenas um grupo de teatro, é uma escola, uma família, um centro de artes que procura incutir a todos este 'bichinho' pela representação, desde tenra idade" disse o Presidente do GTC, Filipe Gonçalves.

A peça apresentada é uma dramaturgia criada integralmente pelo encenador do GTC, Tiago Pires, que procurou, com estes jovens atores, apresentar algumas das peripécias de um dos mais ardilosos guerreiro de toda a epopeia grega, Ulisses. A sala encheu para aplaudir os jovens atores que deram 'o seu melhor' nas personagens que interpretaram.

"Eu interpretei duas personagens, foi muito giro. Eu gosto muito de fazer teatro, é muito divertido e não é difícil interpretar outras personagens é mais difícil decorar o texto" palavras de Leonor Lopes, atriz do GTC.

A peça levou dezenas de pessoas ao auditório que se mostraram muito agradadas com a peça. "O teatro é de facto um espetáculo. As crianças portaram-se muito bem, os figurinos eram muito bonitos e a peça estava muito bem enquadrada. Parabéns a todos e continuem a presentear-nos com estes ricos momentos" segundo o espetador Francisco Magalhães.

Amanhã e sábado, 15 e 16 de Junho, o palco do Centro cultural receberá a peça 'A farsa do Advogado Pathelin', uma peça de teatro francesa composta no fim da idade média, que critica e satiriza os costumes das duas mais fortes classes sociais da França no século XV, os comerciantes e os homens das leis.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.