Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Viana do Castelo vai instalar 480 contentores para separação de resíduos orgânicos
Casa Fundevila reinventa-se com charme

Viana do Castelo vai instalar 480 contentores para separação de resíduos orgânicos

Vitória SC resgatou o quinto lugar

Alto Minho

2019-04-20 às 06h00

Redacção

Munícipes de Areosa, Darque, Meadela, Monserrate e Santa Maria Maior terão também direito a 22 mil baldes domésticos. Iniciativa corresponde à segunda fase do projecto ‘Viana Abraça’.

A Câmara Municipal de Viana do Castelo vai instalar 480 contentores e distribuir 22 mil baldes domésticos, destinados à recolha de resíduos orgânicos.
Trata-se da segunda fase da iniciativa ‘Viana Abraça’, considerada única a nivel nacional.
Os 22 mil baldes domésticos vão ser distribuídos gratuitamente pelos habitantes das freguesias de Areosa, Darque, Meadela, Monserrate e Santa Maria Maior, e permitir que a separação de lixos seja feita nas próprias casas.
Os contentores destinados à deposição de bio-resíduos alimentares, vão ser colocados por toda a cidade. A recolha regular é feita por duas viaturas.
Seguido o conceito da economia circular, os bio-resíduos separados serão alvo de valorização, dando origem a composto – um fertilizante natural que pode ser utilizado de forma segura em jardins, canteiros, hortas e campos agrícolas.
Para além da poupança de recursos e do benefício ambiental que representa, esta separação de resíduos orgânicos tem ainda um benefício social associado, já que por cada euro poupado com a separação de resíduos orgânicos, a Câmara Municipal de Viana do Castelo doa outro euro. O valor arrecadado reverte a favor de instituições sociais do município.
A separação de resíduos orgânicos alimentares na cidade é a segunda fase da operação dos Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana do Castelo que visa diminuir a quantidade de resíduos em aterro.
A primeira fase, que se caracteriza pela distribuição gratuita de 'kits' de compostagem aos vianenses com jardim ou quintal, começou em Julho do ano passado e ainda está a decorrer.
A autarquia vianense já disponibilizou, para o meio rural, cerca de cinco mil kits de compostagem e prepara-se para estender a separação de resíduos orgãnicos ao perímetro urbano.
Os resíduos orgânicos são uma parte significativa dos resíduos atualmente depositados em aterro, conduzindo à formação de gases com efeito de estufa, que são nefastos para o ambiente.
A concretização do projecto ‘Viana Abraça’permite combater a emissão de gases com efeito de estufa e as consequentes alterações climáticas, e antecipar a directiva europeia que obriga à separação de resíduos orgânicos a partir de 2024.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.