Correio do Minho

Braga, quarta-feira

10 de Junho

Sem Confiança perde-se a credibilidade

Ideias

2017-06-09 às 06h00

Paulo Monteiro

Amanhã é 10 de Junho, ‘Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas’. Um dia que, ao contrário que parece, só começou a ser comemorado a partir de 1977, já em democracia, e que é aproveitando para os Presidentes fazerem o seu discurso de Estado da Nação e procederem às condecorações da praxe.

Mas este dia já teve outros nomes ou outras designações. A primeira vez que se comemorou foi em 1880, em que a primeira referência que se conhece declarava este como o ‘Dia de Festa Nacional e de Grande Gala’, por decreto do rei D. Luis I e que faz referência aos 300 anos da morte de Luís de Camões. É pois, por isso, também que Portugal é diferente de muitos outros países do Mundo já que tem um feriado com cunho cultural e com a justa homenagem ao autor de ‘Os Lusíadas’, de Luís Vaz de Camões.

Mas... se no anterior Governo foram retirados alguns feriados (agora repostos), esta também é uma história antiga e que já mexeu com o 10 de Junho: Com a queda da Monarquia deixou de figurar como feriado nacional, aparecendo mais tarde, por decreto de Agosto de 1919. Sete anos depois, com o golpe do 28 de Maio, passa a ser designado ‘Dia da Raça’. E... depois de muitas mudanças lá chegamos ao ano de 1977 que, por decreto de 4 de Março, foi dado o nome actual, ‘Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas’.

E.. um dia, também, diferente desde que Marcelo Rebelo de Sousa tomou posse. Diferente no estilo e nos lugares. Decidiu passá-lo em Portugal e fora do país. O ano passado escolheu Lisboa e Paris. Este ano as suas escolhas foram para o Porto, e para o Brasil (São Paulo e Rio de Janeiro). Sem dúvida uma forma diferente mas que, ao mesmo tempo, serve de homenagem às nossas comunidades espalhadas pelo Mundo. E é por isso que Marcelo é também bem diferente dos outros estadistas que o antecederam...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.