Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +

A nova silly season

A Árvore da Vida

A nova silly season

Ideias Políticas

2022-09-06 às 06h00

André Patrão André Patrão

Longe vão os tempos em que os noticiários, jornais em papel e programas da rádio tinham a necessidade de dar asas à imaginação e esmiuçar tudo o que pudesse ser notícia, criando narrativas dignas de contos, explorados até ao tutano, já que os meses de verão traziam um silêncio ensurdecedor para quem vende notícias.
Claro que não deixamos de ser presenteados com algumas notícias tornas, como a polémica que versou sobre a Primeira-Ministra Finlandesa, Sanna Marin, “apanhada” a cometer o vil acto de se divertir e de ter vida para além da que diz respeito ao seu trabalho e que demonstra que ainda estamos longe do patamar de igualdade entre homens e mulheres. E o exemplo é fácil: Boris Johnson e Donald Trump sempre tiveram eventos sociais bem mais questionáveis mas que não importunam ninguém: são homens e, aparentemente, parece que isso nos dá mais direitos a ter uma vida social activa.
Mas, na verdade, o buraco de verão, como dizem os alemães, já não tem o mesmo sentido: há uma guerra em curso, em pleno palco europeu, que para além de prejudicar os envolvidos diretamente, no campo de batalha, influencia preços e coloca em causa a estabilidade financeira das famílias, um pouco por todo o mundo; mas, falando de outro campo, o estádio de Coimbra vai receber os Coldplay e, aparentemente, milhares de portugueses, que esgotaram os bilhetes para os concertos da banda britânica e provocaram um reboliço nas redes sociais, numa prova cabal de que estamos cada vez mais dispostos a julgar e a condenar, mesmo que não seja nada connosco.
Apesar da aparente saúde financeira que este “esgotamento” de bilhetes revela, foi no ministério da saúde que mais faltou boas notícias. Depois de um verão marcado por falta de médicos ao serviço e recheado de crises nas urgências hospitala- res, Marta Temido, vacinada para pandemias e situações difíceis, pareceu sair esgotada, deixando um vazio - mas ainda não se foi embora pois, para além da sua sucessão, também vai ser vital preparar a nova direção do SNS e o já tão famoso CEO - e Luís Montenegro vai remoendo o assunto quanto pode, chegando ao ponto de tentar dizer aos portugueses que a ameaça ao SNS é a esquerda ou o PS quando todos sabemos que é o PSD que tem o punhal escondido na manga - sendo que até se diz, “por aí”, que foi Ana Rita Cavaco, amiga de André Ventura, que emprestou o punhal ao Presidente do PSD - mas serão, certamente, as más línguas.
Utilizando uma expressão característica do nosso país, cá pelo burgo viveu-se mais uma noite branca - uma das consequências da gestão socialista aquando do seu governo camarário mas que a coligação nunca colocou na coluna das más desculpas e justificações denominada “A culpa é do PS”. A noite pode ter sido branca mas os dias continuam negros já que os problemas de trânsito não têm solução à vista, a oferta habitacional continua a ser escassa e financeiramente irresponsável pelos preços praticados, as questões ambientais continuam na gaveta e até passamos uns dias no lixo por causa de uma greve; o BRT em 2025 parece ser uma miragem e as ciclovias construídas através de linhas pintadas já desbotam, com a corrida à sucessão, nos dois partidos mais votados, bem mais imprevisível que a F1 neste momento.
Assuntos não nos vão faltar, para nos encontrarmos aqui, de novo, de 15 em 15 dias e até ao próximo verão para nos debruçarmos sobre os assuntos que marcam a atualidadepolítica local e nacional, numa perspectiva assumida: uma visão de esquerda, exercida em pensamento livre e sem medo dos “mares nunca dantes navegado”.

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias Políticas

06 Dezembro 2022

Palestina vencerá!

29 Novembro 2022

Braga, cidade aberta...

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho