Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +

A pobreza em Portugal

Uh Uh, os meus óculos de Sol- Novas regras balneares durante a pandemia

A pobreza em Portugal

Ideias

2018-12-27 às 06h00

Paulo Monteiro Paulo Monteiro

Há perto de 1,8 milhões de portugueses em situação de pobreza. Números estes que levaram o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, a referir que é necessário adoptar medidas como a criação do estatuto do cuidador informal. O certo é que ainda são muitos os portugueses pobres e a pobreza é um problema urgente a resolver. Já este mês a Fundação Francisco Manuel dos Santos actualizou os dados do site ‘Portugal Desigual’, onde chegamos à conclusão de que os números continuam a incomodar. E o que nos mostram os novos dados? Mostram-nos, por exemplo, que a incidência da pobreza atinguiu, em 2017, 17,3% da população total. Assim, mais de cem mil portugueses abandonaram a situação de pobreza no último ano, apesar da linha de pobreza ter subido cerca de 3%; mostram-nos que a proporção de crianças e jovens em situação de pobreza diminuiu de forma ainda mais significativa, reduzindo-se a sua taxa de incidência de pobreza de 20,7% para 18,9%, uma descida de 1,8%; a intensidade da pobreza (que avalia quão pobres são os pobres) desceu de 27% para 24,5%; a taxa de pobreza da população idosa registou um agravamento de 0,7%, fixando-se, em 2017, nos 17,7%; igualmente no que concerne à situação de pobreza da população desempregada registou-se um ligeiro agravamento.?A sua taxa de pobreza foi de 45,7%, em 2017, tendo-se mesmo agravado face à verificada em 2016 (44,8%)... e muito mais. E com estes dados termino com o balanço global destes números feito por Carlos Farinha Rodrigues, professor do ISEG: “é indiscutível que traduzem uma melhoria relevante da condição social do país, mas não podem fazer esquecer que Portugal continua a ser um dos países com maior pobreza e com maiores níveis de desigualdade na Europa”. Está tudo dito!

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

02 Junho 2020

O PS e as presidenciais

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho