Correio do Minho

Braga, quinta-feira

Abstenção: Viana do Castelo e Braga melhor que média nacional

Uma carruagem de aprendizagens

Ideias

2017-10-04 às 06h00

Paulo Monteiro

Os valores da abstenção nas Eleições Autárquicas de domingo nos distritos de Braga e Viana do Castelo, em termos globais, foram melhores que a média nacional.
A abstenção no país ficou nos 45,03%, enquanto que em Viana do Castelo baixou para os 41,22% e em Braga para os 35,65%. Números muito bons que traduzem, também, um aumento de votantes nos dois distritos comparativamente a 2013.

Utilizando a lupa podemos ver ainda que nos 14 concelhos do distrito de Braga todos eles tiveram uma percentagem de votantes superior à média nacional (54,97%). Barcelos foi o concelho onde se registou a média mais elevada (71,69%) e Braga a mais baixa (57,63%). Apesar de todos os concelhos terem uma média de votantes superior à média nacional, houve três que tiveram menos do que em 2013: Braga (-2,26%), Cabeceiras de Basto (-0,05%) e Vila Nova de Famalicão (-0,91%).

Na escala inversa, Vizela (+6,58%), Guimarães (+6,2%) e Esposende (+5,74%) fazem parte do pódio.
Já em relação ao distrito de Viana do Castelo, apesar da média de votantes ser superior à média nacional, há dois concelhos cuja média foi inferior: Arcos de Valdevez (53,63%) e Melgaço (46,12%). Mesmo assim, tanto um como outro, subiram em relação a 2013. O primeiro 2,74% e o segundo 2,87%.

Destes números podem ser retirados vários dados mas o principal é que quanto maior foi a emoção em termos de candidaturas, maior foi o número de votantes comparativamente a eleições anteriores. Vizela, com três candidatos, é exemplo disso: teve um aumento em relação a 2013 de 6,58%...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.