Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Afinal somos uns sortudos... ao jogo

Sem Confiança perde-se a credibilidade

Ideias

2017-03-16 às 06h00

Paulo Monteiro

Portugal continua a fazer milionários e pode considerar-se mesmo um dos países “mais sortudos” no que diz respeito ao... Euromilhões.
Na passada terça-feira mais um primeiro prémio veio para Portugal. Para um apostador que registou o seu boletim em Faro vai o primeiro prémio no valor de 80 milhões de euros.
Com mais este primeiro prémio passam a ser 64 primeiros prémios saídos em Portugal, colocando assim o nosso país no terceiro lugar da lista dos mais sortudos neste jogo.

Segundo dados divulgados pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, desde o seu lançamento, em 2004, os 64 primeiros prémios atribuídos até hoje totalizaram cerca de 1.945 milhões de euros. Este é, sem dúvida, o jogo de azar mais popular no nosso país e chegou mesmo a dar um primeiro prémio no valor de 190 milhões de euros (igualando um outro entregue no Reino Unido, sendo estes os maiores de sempre atribuído em toda a Europa). Aconteceu em Outubro de 2014 e foi para um apostador de Castelo Branco.

Mas... este jogo também enche de satisfação o Estado uma vez que todos os prémios superiores a cinco mil euros passaram a pagar 20% de imposto ao Estado (imposto de selo).
E, então, na terça-feira o Estado esfregou mesmo as mãos de contente já que, sem apostar, ganhou logo 16 milhões de euros...
Ah... e já agora: o feliz novo milionário apostou 12 euros no quiosque São Luiz. Há quem diga que ali cheira a sorte uma vez que já deu um segundo prémio do Euromilhões...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.