Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +

Antologia BragaFado canta Fado tradicional

Direito à Educação

Ideias

2015-09-30 às 06h00

Félix Alonso Cabrerizo Félix Alonso Cabrerizo

“No fado TRADICIONAL, diz-se que o fadista “estila” a melodia quando lhe modifica o desenho de forma mais ou menos acentuada, no repetindo de um modo geral, uma mesma frase de estrofe em estrofe sem a submeter a algum grau de variação melódica…”
Rui Vieira Nery, ‘Para uma História do Fado’


Cantar Fado Tradicional, e o ponto mais alto que um fadista pode alcançar, é a arte total do fado, exemplo, a trajetória artística dos Fadistas Fernando Maurício, Alfredo Marceneiro, Dona Maria Teresa de Noronha e muitos outros. Já que o Fado Tradicional e a expressão mais pura e bela, diz o Fadista Rodrigo, “a beleza e a riqueza do Fado Tradicional são tão grandes que não será fácil ajudar a compreender-lhas aqueles que pouco ou nada sabem sobre o tema”.

Por estes motivos, por quer levar o fado à máxima qualidade, e por tudo o que representa ACOFA no Fado em Braga; esta Associação criou sua própria Escola de Fado, com o intuito e propósito de ser vocacionada para o Fado Tradicional e a sua divulgação que é o Fundamento do Fado em Portugal.
No seu 3.º Ano de existência a Escola ACOFA, segue trabalhando com muito rigor e seus alunos vai assimilando pouco a pouco a beleza, magia e o segredo do Fado Tradicional.

Neste momento tem duas jovens FADISTAS Margarida Rocha e Margarida Moreira, que estão a deslumbrar no meio Fadisto Bracarense. São meninas de enorme talento e cultas, sabem cantar de 20 a 25 FADOS TRADICIONAIS, o que é impressionante logo tem perfeito conhecimento do Fado-Canção. Na Escola de Fado se pratica e estuda de 70 a 80 FADOS TRADICIONAIS, implantando métodos muito elaborados e com um grande rigor e estudo científico.

As noites de Fado-Antologia de BragaFado foram um grande êxito e colmatadas com excelentes espetáculos, diz nosso Diretor Musical Carlos Caldeira “O que se fez este ano, no verão, teve um nível, arrisco-me a dizer, sem precedentes nesta associação”.

Esta Nova ACOFA renovada, com outra dinâmica e outro discurso, organizou, apoiou e colaborou com outras entidades, nas noites de fado, que foi abrilhantado com profissionalismo, relevância e autenticidade. Transmitindo uma nova imagem de colaboração, união de esforços e enorme talento de todo o grupo de Fadistas, Guitarristas, técnicos de som, técnicos de palco, decoração e vestuário, coordenação musical, todos em sintonia com os espetáculos.

Destacando as vozes dos fadistas, Adriana Moreira (vencedora do BragaFado 2014) Toni Reis (Excelente fadista, com muita experiência e autor de letras) e as fadistas da Escola de Fado ACOFA (Margarida Rocha e Margarida Moreira) entre outras, os geniais Guitarristas, Carlos Caldeira (guitarra Portuguesa) Daniel Paredes (Viola de Fado).

Por ultimo quero mencionar a Amália Rodrigues como ícone do Fado e grande estrela a nível mundial e uma voz de referência em todo o planeta, após a sua morte, apareceu esta geração de Fadistas alguns deles descobertos e promovidos por João Braga (fadista de relevância para o Fado em Portugal), que tiveram e tem a coragem de seguir e defendendo as cores do Fado Tradicional. Camané, Aldina Duarte, Ricardo Ribeiro, Carminho, Pedro Moutinho (entre Muitos).
Pedro Moutinho será o convidado da Grande Final do Braga Fado, sábado, 14 de Novembro 2015 às 21h30, que se realizará no Teatro Circo.

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

04 Junho 2020

COVID… e agora?

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho