Correio do Minho

Braga, quarta-feira

As Bibliotecas e as redes sociais virtuais

Um ciclo que se abre

Escreve quem sabe

2018-04-05 às 06h00

Rui A. Faria Viana

Actualmente a difusão da informação e da comunicação é um dos maiores desafios que se colocam às diferentes organizações. Na procura de um maior desempenho, as redes sociais virtuais são cada vez mais usadas como um meio de divulgação e, no caso das bibliotecas, são assumidas como importantes ferramentas de comunicação com os seus utilizadores, bem como de marketing ao promoverem as suas actividades e os seus serviços. Os gestores de bibliotecas devem, assim, ter como preocupação sempre presente a satisfação dos utentes procurando ir ao encontro dos seus interesses e necessidades, demonstrando através da sua actuação diária que a biblioteca pode ser uma instituição que lhes pode dar a resposta a diversas questões do seu universo de interesses, passando deste modo a ser mais conhecida e a estar mais presente no dia-a-dia das pessoas.
A maior visibilidade das bibliotecas junto dos utentes contribui necessariamente para que passem a ser mais frequentadas e procuradas, pela utilidade e interesse que despertam, justificando a sua existência como instituições activas e proveitosas no seio da comunidade.

A internet revelou-se de extrema importância na divulgação das bibliotecas e dos serviços que prestam, tornando-as mais visíveis, conhecidas e próximas das pessoas pelos laços de empatia que se criam. Por sua vez, as redes sociais presentes na internet constituem um meio privilegiado e dinâmico de troca de informação e de interligação de pessoas, onde a comunicação é a base de sustentação do grupo, sendo por isso muito utilizadas por permitirem uma interação entre os diferentes membros. A facilidade em adicionar novos elementos, estabelecendo com bastante sucesso relações no seio do grupo, de crescimento contínuo, tem justificado a adesão sobretudo ao Twitter e ao Facebook por parte das bibliotecas e a sua consequente integração nas estratégias de comunicação. Acima de tudo, trata-se de um recurso facilitador da difusão e gestão da imagem das bibliotecas junto dos seus diferentes públicos e de um recurso importante de marketing atendendo à sua popularidade. De uma maneira geral, as redes sociais permitem comunicar com os utilizadores, onde quer que se encontrem e de uma forma rápida. Das inúmeras vantagens que surgem da sua utilização, destacamos, pela sua evidência: o aumento na interação com o utilizador; o maior conhecimento sobre a biblioteca por parte dos utentes; a facilidade na divulgação das notícias, acontecimentos e serviços; a comunicação em tempo real, e o significativo aumento na partilha de informações.

As bibliotecas desenvolvem as suas actividades e os seus serviços na convicção de criar a maior satisfação nos seus utilizadores, caso contrário não é possível a sobrevivência destas instituições, e a fidelização dos seus utentes é a garantia para uma biblioteca de sucesso. Por isso, as redes sociais virtuais obrigaram também as bibliotecas a alterar as suas estratégias de comunicação, pois, elas vieram permitir uma abrangência mais vasta ao atingirem não só aqueles a quem elas se dirigem, mas também, os que se relacionam com eles. Podemos afirmar, também, que as redes sociais são um recurso importante de marketing promocional por permitirem estabelecer uma relação ampla entre bibliotecas e utilizadores, possibilitando um acentuado nível de implantação.
A emergência das redes sociais na internet e a utilização deste ambiente virtual pelas bibliotecas veio proporcionar a difusão da informação em larga escala e ajudar estas instituições a potenciar os seus objectivos.

Deixa o teu comentário

Últimas Escreve quem sabe

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.