Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +

Cuidados de Saúde: situação preocupante...

A saia comprida

Cuidados de Saúde: situação preocupante...

Ideias

2019-09-27 às 06h00

Paulo Monteiro Paulo Monteiro

A saúde tem sido um dos temas fortes e quentes da campanha eleitoral. Há poucos ou muitos investimentos na área da saúde? Há cativações ou não há cativações? Há mais gente a trabalhar ou não? A nível mais regional os temas fortes centram-se no fim da PPP no Hospital de Braga e na construção do novo hospital de Barcelos. A solução do primeiro é boa ou má? E no segundo caso... vamos ter hospital na próxima legislatura ou ainda não é desta? Estes são os pontos principais e mais objectivos com que somos confrontados diariamente e têm servido de grandes discussões por parte dos 21 partidos ou coligações que concorrem pelo círculo eleitoral de Braga. Mas estas dúvidas e a resposta a cada uma das interrogações aqui colocadas deixo-as para o leitor que certamente irá decidir com o seu voto... acreditando mais nesta ou naquela resposta ou promessa.

Mas o que hoje trago aqui para falar da saúde é o relatório divulgado esta semana pela Organização Mundial de Saúde e que nos mostra dados nada bons: mais de cinco mil milhões de pessoas vão continuar a não ter acesso a cuidados de saúde em 2030. Isto se o investimento continuar a ser... insuficiente. A OMS adverte que os países devem aumentar o gasto com a saúde em pelo menos 1% do PIB para atingir a meta da universalidade até 2030. O investimento mundial na saúde ronda actualmente os 6,8 mil milhões de euros. Mas, se este valor for aumentado em apenas 5% poderemos ter até 2030 60 milhões de vidas salvas e o aumento da esperança de vida em 3,6 anos. Não era bom? E todos nós não merecemos mais e melhor saúde? Aqui respondo: claro que sim!

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho