Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +

É muito difícil dizer adeus!...

Mais ruas com parcómetros: Rio recupera proposta socialista

É muito difícil dizer adeus!...

Voz às Escolas

2019-06-17 às 06h00

Maria da Graça Moura Maria da Graça Moura

Na Escola André Soares, todos os anos vivemos o inevitável constrangimento de ver partir os alunos mais velhos! Sempre que se aproxima o final do ano letivo, a escola fica incompleta e começa a nostalgia, o vazio, a saudade das múltiplas memórias dos alunos do 9º ano! Cada um leva um pedacinho de nós, construído com muitos anos de ligação, de presença, de convivência, de vínculos, de desafios. Bem no fundo, sabemos que o fim do ano letivo significa o momento de seguir viagem e consigo as saudades de um tempo que não mais voltará!... Saudades da amizade, dos afetos e da cumplicidade construída durante anos, entre todos os amigos da turma. Saudades dos trabalhos de grupo, dos encontros marcados e dos inesperados, dos passeios, dos debates e das outras estratégias que fizeram deles alunos felizes e realizados na escola. Saudades dos professores que marcaram as suas vidas, que despertaram algo especial neles e transformaram a sua maneira de ver o mundo. Saudades dos diretores de turma que, no desempenho do seu papel, nem sempre viram reconhecido o justo valor. Saudades de muitas assistentes confidentes a quem recorriam quando a vida se mostrava difícil…

Saudades dos muitos professores que sofreram com os alunos que não cumpriam os seus deveres e que quebravam as regras de conduta de forma sistemática na sala de aula. Saudades dos momentos que marcaram o início da sua adolescência, o primeiro amor, o melhor amigo, o melhor professor. Saudades do último ano letivo, que representa o final de ciclo, ou ‘o fim do início’ de amizades profundas entre amigos e colegas, durante o qual se partilharam alegrias, traquinices, cusquices, gargalhadas.
Saudades do baile de finalistas, preparado com muita ansiedade, um desfile de elegância, requinte e glamour, onde lindos vestidos, penteados cuidados e maquilhagem especial realçam uma das mais importantes noites para todos os finalistas.

É neste contexto que, entre cumprimentos e despedidas, os olhos deixam transparecer o que realmente sentem, a amizade, o carinho e a ternura que existe entre todos os amigos da turma. É neste ambiente que surgem as palavras de agradecimento, de apreço, que se distribuem abraços a toda a comunidade escolar. Na hora da despedida, os braços são pequenos para abraçar tantos amigos (que ficaram quase irmãos) e todos os professores que entraram nos seus corações e passaram a fazer parte das suas vidas.
É nestes momentos que se sente que a escola, mais que um caminho, foi um percurso – um percurso partilhado com todos, onde cada um construiu laços reforçados.

Ver partir estes alunos não é fácil, mas sabemos que é preciso fechar capítulos, encerrar etapas da vida…. É preciso deixá-los partir em busca de novos destinos, novas conquistas e novas vitórias.
Dizer adeus a estes alunos é, sobretudo, desejar-lhes muito sucesso para a nova jornada.
E se é assim tão difícil dizer adeus, quer dizer que valeu a pena!
Sejam felizes, na escola e na vida!...

Deixa o teu comentário

Últimas Voz às Escolas

23 Setembro 2019

Retorno!

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.