Correio do Minho

Braga, sexta-feira

Espectáculos, museus e jornais

As Bibliotecas e a cooperação em rede

Ideias

2017-12-13 às 06h00

Paulo Monteiro

67,2% da população residente em Portugal, entre os 18 e os 69 anos, assistiu a pelo menos um espectáculo ao vivo no ano passado. Estas são as estatísticas da Cultura tornadas ontem públicas e referentes a 2016. Mas há mais: 55% leu jornais ou revistas, em papel ou na internet; 46,4% visitou locais culturais, como museus, monumentos e galerias de arte; 45,6% foi pelo menos uma vez ao cinema e 38,8% leu pelo menos um livro, como actividade de lazer.
Os dados da Cultura de 2016 do Instituto Nacional de Estatística parecem ser bons e, num primeiro olhar, são. Entre as muito boas e más notícias... Dos muito bons há a destacar o facto de, nos espectáculos ao vivo, as receitas de bilheteira terem aumentado 42,6%, atingindo um valor total de 85 milhões de euros em 2016. O número de espectadores aumentou 18,8%, totalizando 14,8 milhões. Nos museus, as notícias também são excelentes: registaram 15,5 milhões de visitantes, mais 1,9 milhões do que no ano anterior. Este aumento deveu-se, na sua maioria, aos visitantes estrangeiros (+1,5 milhões). Destaque ainda para o facto das famílias terem gasto em média 845 euros por ano em Lazer, recreação e cultura, o que representa 4,2% da sua despesa total. E ainda para o cinema, que viu aumentado em cerca de 3% o número de espectadores face a 2015. Foram perto de 15 milhões aqueles que foram ao cinema.
Mas também há notícias menos boas: apesar de mais de metade dos residentes ler jornais e revistas, estes perderam 28% da circulação total e 17,6% nos exemplares vendidos. Ao mesmo tempo que a despesa das câmaras municipais em actividades culturais e criativas diminuiu 1,7% em relação a 2015. Foram gastos na totalidade 385,7 milhões de euros...
Por isso, há que apostar mais e há que comprar mais jornais para o caminho ser pleno de sucesso...

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

14 Dezembro 2018

Amarelos há muitos...

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.