Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Estamos Juntos, Juntos por Braga

Como sonhar um negócio

Ideias Políticas

2013-06-25 às 06h00

Francisco Mota

Com esta minha crónica chego ao fim de mais uma temporada enquanto cronista assíduo do Correio do Minho. Num ano de extrema importância para Braga não podia deixar de perspectivar o futuro do nosso concelho com as próximas eleições autárquicas.

Braga merece um novo rumo nas opões e na gestão do município e esse é um sentimento unânime no seio de toda a comunidade Bracarense. A vontade de construir e despertar uma Nova Braga apenas pode ser concretizada com o envolvimento de TUDO e de TODOS, bem como com uma nova roupagem de agentes políticos. Acredito que apenas uma equipa e um presidente poderá estar à altura dos novos desafios e capazes de corresponder com compromisso e competência. Juntos Por Braga e Ricardo Rio são o projecto e a liderança de futuro.

O compromisso será assente numa gestão que estará focada em construir no presente preparando o futuro, sempre tendo em conta a solidariedade geracional, não deixando que as opções de hoje hipotequem as futuras gerações. Por outro lado, este mesmo compromisso irá traduzir-se numa gestão de proximidade com cada cidadão e instituição e na elevação da obra Humana. Braga terá no seu futuro a valorização dos seus recursos naturais e Humanos como motor do desenvolvimento sustentável. A nova liderança municipal trará consigo ainda mais um compromisso, o compromisso da transparência e da verdade, expondo uma câmara municipal de portas abertas para servir Braga e os Bracarenses de uma forma equitativa.

Assumiremos a cultura e o associativismo como expoente máximo de identificação e projecção da cidade no exterior. Encontraremos a inovação e a sinergia necessária para reinventar o posicionamento da cultura em Braga, conjugando o associativismo e a iniciativa com a reabilitação da cidade como pólo dinamizador.

Assumiremos os problemas sociais como pilar central da gestão municipal, tendo como foco principal o combate ao desemprego. Para isso teremos um município amigo das famílias e das empresas com menos impostos municipais. Desde a primeira hora estaremos a incentivar a economia local no objectivo de reabilitar o centro da cidade de pessoas e comércio, com programas de reabilitação do edificado e arrendamento, bem como com uma nova perspectiva de mobilidade. Finalmente terão uma vereação a liderar a rede social como resposta directa aos problemas socio-económicos dos munícipes mais carenciados e a colocar todas as IPSS do concelho a trabalhar em rede e com estratégias partilhadas, para uma melhor acção social.

Assumiremos o respeito pelo Património e a História de Braga como sinónimo de crescimento sustentável no nosso território. A valorização do legado dos nossos antepassados será concertada com uma aposta efectiva no turismo, através de uma estratégia regional, nacional e internacional. O turismo significará um dos alavanques da economia local e central para a nova liderança.

Assumiremos o empreendedorismo e a Juventude como forma de garantir o futuro a longo prazo, para isso a aproximação ao conhecimento, inovação e visão quer da Universidade do Minho quer da Universidade Católica bem como do Centro de Nanotecnologia serão imprescindíveis.
Com esta atitude demonstramos que um novo trilho por Braga será percorrido e Ricardo Rio será o presidente de todos os Bracarenses.

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias Políticas

27 Novembro 2018

25 Novembro sempre!

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.