Correio do Minho

Braga,

Famalicão vai parar para ler

Antecedentes… (parte II)

Voz às Bibliotecas

2018-03-01 às 06h00

Carla Araújo

São um total de 34 as bibliotecas da rede municipal e da rede escolar que dinamizarão, já a partir do próximo dia 5 de março, a 9.ª edição da Semana da Leitura das Bibliotecas de Vila Nova de Famalicão, um importante evento concelhio que é, anualmente, proposto pelo Plano Nacional de Leitura às autarquias e aos agrupamentos de escolas. É com base neste desafio que o Município de Vila Nova de Famalicão, através da Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco e da Rede Concelhia das Bibliotecas Escolares, se propõe celebrar a leitura com um conjunto diversificado de iniciativas que permitam criar ambientes plurais que motivem a participação dos alunos, e da comunidade famalicense em geral, em atividades de promoção do livro e da leitura. O evento arranca já no próximo dia 5 de março, pelas 15h., com a Sessão de Abertura da 9.ª Semana da Leitura das Bibliotecas de Famalicão, no auditório da Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, e contará com a presença do Vereador da Educação Conhecimento e Cultura, Leonel Rocha; do Coordenador Interconcelhio das Bibliotecas Escolares, António Pires, e do Escritor José Viale Moutinho, que foi especialmente convidado para ser o padrinho desta 9.ª edição.

Do programa cultural da Semana da Leitura, que decorrerá entre 5 e 12 de março, destacamos, a atividade Famalicão a LER, uma iniciativa de cariz simbólico mas que se pretende significativa, a realizar no dia 8 de março, pelas 10h15, e que se assume como o evento concelhio que envolve, em simultâneo, escolas, instituições, autarquia e rádios locais, entre outras organizações. O que se pretende com a iniciativa Famalicão a LER é que durante 15 minutos todos os famalicenses possam interromper os seus afazeres para usufruir de breves momentos de leitura, seja ela de um livro, de um jornal ou de uma revista. O particular envolvimento das rádios locais, nomeadamente a Rádio Cidade Hoje e a Rádio Digital, permitirá ampliar o objetivo proposto, transportando a leitura para o domínio público e coletivo e potenciando, ainda mais, a promoção do livro e da leitura. Para além das rádios locais, também o comércio local, através da ACIF Associação Comercial e Industrial de Famalicão e da Unidade de Gestão do Centro Urbano, se aliam ao desígnio da Semana da Leitura e à missão das bibliotecas, através da exibição de excertos de obras de autores nacionais e estrangeiros, alusivos ao livro e à leitura, nas montras das sua lojas, bem como através da adesão à campanha Faça Compras no Comércio Tradicional e Levante um Livro na Biblioteca Municipal, através da qual oferecerão aos seus clientes um voucher para trocarem por livros na Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco. Como evento de encerramento da Semana da Leitura das Bibliotecas de Famalicão decorrerá, no dia 12 de março, pelas 16h30, com a presença do Presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, a cerimónia de inauguração da Biblioteca Escolar da EB Louro-Mouquim, do Agrupamento de Escolas D. Maria II, que integrou no ano 2017 a Rede Nacional de Bibliotecas Escolares e que serve toda a comunidade educativa daquele estabelecimento de ensino, mais concretamente 206 alunos, desde o pré-escolar ao primeiro ciclo do ensino básico. Estes são os argumentos para que Vila Nova de Famalicão se torne, também, numa referência na promoção do livro e da leitura e que, dessa forma, seja exemplo para outras comunidades!

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.