Correio do Minho

Braga, terça-feira

Finalmente pacotes mais pequenos...

Desprezar a Identidade, Comprometer o Futuro

Ideias

2018-07-31 às 06h00

Paulo Monteiro

Sem darmos por isso, vamos começar a ingerir me-nos açúcar do que ingerimos actualmente e a culpa vai ser dos pacotes individuais que vão ser mais pequenos...
A novidade de que já estávamos à espera surgiu recentemente depois de um acordo assinado entre a Direcção-Geral de Saúde e o sector de distribuição. Assim, a partir de 2020, os pacotes individuais de açúcar vendidos nos espaços de restauração e nos supermercados vão ter menos quantidade. De facto, era um exagero para quem bebe um café... e até se for curto, o açúcar enche quase a chávena. Um autêntico exagero. E se for um ‘viciado’ em muitos cafés por dia, sem dar conta, está também a ingerir excesso de açúcar.

Em 2016, um pacote individual de açúcar tinha oito gramas. Em 2017, passou a ter cinco/seis gramas e agora, com o novo acordo, vai passar para quatro. Ou seja, a partir de 31 de Dezembro de 2019, deixam de ser produzidas doses individuais de açúcar que excedam os quatro gramas. Passa a haver menos consumo e menos desperdício. É também bom para a saúde, uma vez que o excesso de açúcar pode provocar a diabetes e originar outras doenças. Depois da redução de açúcar das bebidas (quanto menos açúcar, mais baratas, menos impostos), agora a redução dos pacotes de açúcar que costumam acompanhar o café, o pingo ou o chá...
Mas esta luta por menor consumo de açúcar tem de continuar. O próximo passo é a redução deste ‘mal’ que nos adoça o ‘bico’ nos bolos, nas bolachas ou biscoitos. Sim, porque também aqui há excesso e não precisamos de tanto açúcar...

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

25 Setembro 2018

Traição, dizem eles!

25 Setembro 2018

As receitas do IVA

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.