Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +

Férias ecológicas

Regionalização e representação territorial

Férias ecológicas

Ideias

2019-06-26 às 06h00

Pedro Machado Pedro Machado

Nesta última crónica antes do período de férias quero fazer um apelo a que todos aproveitem os tempos livres que se aproximam, para adotar hábitos mais ecológicos, nomeadamente a separação de todo o tipo de resíduos, quer nos seus locais de férias, quer depois nas suas residências.
Depois de incorporados no dia-a-dia, será mais fácil continuar!
Alguns gestos simples podem fazer toda a diferença: quando fizer refeições entre amigos e familiares, não abandone o lixo (papel, sacos plásticos, latas), leve-o consigo e deposite-o nos locais próprios, fazendo a sua separação posteriormente nos ecopontos; se encontrar lixo durante um passeio, porque não apanhar e levar até ao contentor mais próximo.

Se constatar que os ecopontos estão mais cheios que o habitual, porque nesse local há mais pessoas que o habitual (local turístico ou com o regresso de muitos emigrantes), aguarde a recolha ou desloque-se ao ecoponto mais próximo. Não coloque os seus resíduos fora e, acima de tudo, não coloque resíduos não recicláveis junto aos ecopontos: orgânicos, móveis, entulhos ou outros. Este ato só irá prejudicar ainda mais a recolha dos ecopontos, pois não poderão ser recolhidos pala Braval, pois não são recicláveis e irão obrigar as equipas de recolha a desviá-los para poder recolher o ecoponto.
Por outro lado, deverão colocar os resíduos recicláveis corretamente dentro do ecoponto, ter o cuidado de espalmar as embalagens e desfazer caixas de cartão grandes pois, muitas vezes, os ecopontos estão cheios de “nada”, com caixas a impedir a colocação de mais resíduos.

Os dados mostram um claro aumento da produção de resíduos, na nossa área de abrangência, durante os meses de julho e agosto, ao longo dos últimos anos. A Braval tem feito esforços para corresponder a este aumento, tentando resolver todas as situações o mais rapidamente possível, mas com tanto aumento de resíduos e os mesmos meios do resto do ano é difícil corresponder de imediato.
Por isso, dum aumento de horas de recolha de 15% e de 18% de número de contentores recolhidos face ao mesmo mês do ano passado.eve haver também uma coresponsabilização da população de não colocar os resíduos fora do ecoponto, mas também contactar a Braval a informar quais os locais mais problemáticos.
Apesar dos problemas referidos, há cada vez mais pessoas que compreendem a importância da separação de resíduos para um futuro mais sustentável.
Ajude-nos, ajudando-se!

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

12 Novembro 2019

Espanha: o avanço do Vox

12 Novembro 2019

A amiga Olga?

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.