Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +

“Inovar com Determinação” - homenagem a Maria José Moura

A Árvore da Vida

“Inovar com Determinação” - homenagem a Maria José Moura

Voz às Bibliotecas

2022-10-06 às 06h00

Carla Araújo Carla Araújo

No passado dia 15 de setembro, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, tive a grande honra e prazer de fazer parte de um grupo de pessoas que quiseram, com toda a justiça e merecimento, prestar homenagem à mais ilustre e reconhecida figura do panorama bibliotecário nacional, Maria José Moura, falecida em 2018. Uma comissão organizadora, composta por Pedro Príncipe, Margarida Vargues, Dália Guerreiro, Susana Lopes, Ana Paula Gordo, Rui Neves e Bruno Eiras, em boa hora decidiu prestar publicamente este tributo à “Mãe” da Rede Nacional de Bibliotecas Públicas e da Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas. O seu nome é tão incontornável e consensual que fez com que a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas decidisse atribuir o seu nome, na edição de 2020 (7.ª edição), ao Prémio de Boas Práticas em Bibliotecas Públicas Municipais que já dinamizava desde 2014, assim como a Associação Portuguesa de Bibliotecá- rios, Arquivistas, Profissionais da Informação e Documentação que decidiu instituir, em 2021, o Prémio BAD Maria José Moura. Entendi não deixar de marcar presença naquele “Colóquio de Homena- gem: Inovar com Determinação”, por duas razões muito importantes e relevantes para “vida” da Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, que represento. A primeira delas refere-se à sua história mais antiga e recua até ao dia 15 de dezembro de 1987, data em que Vila Nova de Famalicão e a sua Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco assinaram o contrato-programa com o, então, Instituto Português do Livro e da Leitura, para adesão ao Programa da Rede de Bibliotecas Públicas que se criava nesse mesmo ano. Um conjunto restrito de xxx câmaras municipais, onde se encontrava Vila Nova de Famalicão, foram pioneiras na integração das suas bibliotecas municipais neste programa de âmbito nacional, do qual Maria José Moura era a “timoneira”. A segunda razão, e que diz respeito à história mais recente, prende-se com o facto de, no ano e na edição em que o Prémio de Boas Práticas em Bibliotecas Públicas Municipais recebe o nome de Maria José Moura como sua patrona, a nossa Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco ter sido a vencedora, com o projeto “ODS: Juntos Mudamos o Mundo”. Maria José Moura visitou várias vezes a Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, tendo a última delas sido em 2012, por ocasião do V Encontro de Serviços de Apoio às Bibliotecas Escolares de Famalicão, subordinado ao tema “Bibliotecas Públicas e Bibliotecas Escolares: Um SABE(R) em construção”. Como reconhecimento da ação de Maria José Moura e como forma de perpetuar a sua memória, a Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas, Profissionais da Informação e Documentação pretendeu com o “Colóquio: Inovar com Determinação” refletir sobre uma visão estratégica para a afirmação das bibliotecas, assim como discutir sobre o futuro da profissão. Este importante momento de tributo foi também marcado pelo lançamento do livro que inclui uma nota biográfica, pontuada com fotos, recensão e textos mais relevantes da autoria da homenageada, testemunhos de colegas e amigos, entrevistas e um capítulo com as comunicações do colóquio. Em jeito de remate desta crónica reproduzo aqui as sábias palavras de Maria José Moura, numa intervenção que fez no ano de 2012, em Vila Nova de Famalicão: “… uma sociedade que não cuida das suas bibliotecas é uma democracia sem-abrigo.”

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho