Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +

Investimentos Financeiros: Sim ou Não?

Viagem a Viena

Investimentos Financeiros: Sim ou Não?

Escreve quem sabe

2020-04-01 às 06h00

Carina Meireles Carina Meireles

Estamos numa altura em que o Covid -19 está a colocar os mercados do avesso!
É sem dúvida um momento de incertezas tanto para os investidores que pretendem obter rentabilidades presentes e futuras, como para quem já está com investimentos a decorrer, porque ninguém previa que iria acontecer esta crise generalizada, principalmente causada por uma pandemia, com proporções mundiais.
Já são mais de 95 mil casos confirmados, estando esta situação de saúde mundial, a afetar drasticamente a economia global. Por exemplo, todos conhecemos a empresa Amazon! Está neste momento a atravessar uma escassez de produtos, logo um decréscimo nas receitas ou empresas como a Aplle e McDonald´s, já fecharam lojas em alguns mercados e muitas empresas estão a cancelar eventos, estando neste momento muitas pessoas a trabalhar a partir de casa evitando ao máximo áreas públicas.

Os mercados já tiveram empresas cotadas em bolsa com perdas acima dos 30%, o que originou um desconforto para os investidores e público em geral.
Na bolsa portuguesa o PSI 20 tem exibido resultados negativos, estando todas as empresas a apresentar quedas significativas, para os níveis mais baixos desde o ano de 2016 em vários dias do mês Março.
No entanto há que ressalvar que, as notícias das intervenções dos Bancos Centrais acabaram por acalmar um pouco os investidores, mas é importante ter em atenção o facto do número de casos do Covid-19 estar constantemente a alterar, vai continuar a condicionar os mercados.

Para quem tem investimentos em carteira é hora de esperar com serenidade e não tomar decisões precipitadas, esperando que a expectativa seja de melhoria assim que estivermos com a situação do Covid-19 estável.
Para quem pretende investir nesta fase, também não se deve precipitar, só porque o pensamento será de a bolsa estando com valores negativos, irá recuperar. Este raciocínio não deixa de fazer sentido. Mas quando? Daqui a quanto tempo?

A hipótese de uma pessoa não conseguir prever o horizonte temporal de recuperação de dinheiro e obtenção de rentabilidade e ainda para mais nesta situação é muito significativa, porque hoje as notícias são uma coisa, amanhã já são outra e a recuperação, pode demorar muito mais tempo do que o previsto pelos mercados.
Neste caso o melhor é jogar pelo seguro, e ter precaução porque não sabemos até quando a bolsa irá continuar a cair.
Não é momento para desesperar com os mercados financeiros, mas sim acalmar e esperar que a situação volte ao normal.

E estas quedas são normais?
São! A bolsa é mesmo assim em momentos como estes.
Os mercados entraram todos num chamado “free fall”, que é o mesmo que dizer que o Mundo está em queda livre, ou seja, estamos perante uma crise financeira, que estamos a viver e que já estamos a sentir na pele.
Com a atual crise não vamos deixar de investir, vamos sim pensar que, caso seja possível poderá ser uma altura de refletirmos nos nossos investimentos presentes e futuros.

Deixa o teu comentário

Últimas Escreve quem sabe

28 Junho 2020

Verbos traiçoeiros

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho