Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +

Os números não enganam...

A lampreia na Escola, uma aluna especial!

Os números não enganam...

Ideias

2020-02-18 às 06h00

Paulo Monteiro Paulo Monteiro

Mais uma vez... os números não enganam. Isto até parece aquele anúncio antigo que passava nas televisões sobre o algodão e, em qualquer um dos casos a realidade é a mesma e não enganam mesmo. Hoje falo dos últimos dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística sobre o saldo natural português que continua, mais uma vez, infelizmente, negativo. Em 2019 tivemos 87 mil nados-vivos e registaram-se 112.253 óbitos.
Segundo os dados do INE, no ano passado foram registados 86.557 nascimentos de mães residentes em Portugal, menos 0,5% em relação a 2018. O número de óbitos de residentes em Portugal foi 111.757, menos 1,1% do que no ano anterior. Por isso, o saldo manteve-se negativo (-25.200), sem bem que com números menores do que em 2018. Os dados do Instituto Nacional de Estatística indicam ainda que, em 2019, o mês de Setembro foi o que teve menor saldo negativo (-3), quando foram registados 8.054 nascimentos e 8.057 óbitos. Isto significa que todos os meses foram negativos, tendo a maior diferença recaído no mês de Janeiro (7.298 nascimentos e 12.921 óbitos (-5.617).
Tudo isto significa que continuamos a não ter solução para que os índices sejam invertidos; mais nascimentos e menos mortes para que o saldo passe, definitivamente, a ser positivo. Alguma coisa já se tem feito para contrariar os números, quer a nível central, quer a nível das autarquias, mas não chega. É preciso fazer muito mais e é preciso fazer uma reflexão profunda sobre aquilo que nós queremos. O futuro não se adivinha nada risonho: cada vez menos jovens e cada vez mais idosos. Há que mudar e mudar rapidamente.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho