Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +

Parlamento Europeu com mais espanhóis e franceses

Transparência na gestão da coisa pública

Parlamento Europeu com mais espanhóis e franceses

Ideias

2020-02-10 às 06h00

Paulo Monteiro Paulo Monteiro

O Reino Unido deixou a União Europeia no passado dia 31 de Janeiro. Com a sua saída também saíram do Parlamento Europeu os seus 73 deputados que tinham sido eleitos nas últimas eleições europeias. Agora o que acontece? Tudo muito simples e que já estava há muito definido: menos deputados e uma melhor distribuição. Com tudo isto quem fica a ganhar mais com a saída dos britânicos são os franceses e os espanhóis, já que ganham mais cinco deputados cada no Parlamento Europeu. Seguem-se a Itália e a Holanda com três e a Irlanda com dois. Há ainda mais nove países que recebem mais um deputado.

Com esta redistribuição, à luz do princípio da proporcionalidade degressiva, ficam ainda por preencher 46 lugares. Quem os vai ocupar? Para já ninguém. Esses lugares ficam reservados para eventuais futuros alargamentos da União Europeia. Sim, porque apesar do Reino Unido ter saído há vários países que querem entrar no grupo europeu dos 27. E Portugal?

O nosso país continua com os mesmos 21 deputados, o mesmo acontecendo com outros 12 países que mantiveram o mesmo número de deputados. Com esta nova distribuição aconteceu também que algumas forças políticas ganharam mais deputados uma vez que as novas entradas foram decididas pelo voto das últimas eleições europeias realizadas em Maio de 2019. O grupo que mais ganhou foi o Partido Popular Europeu que passou de 182 para 187 deputados e o que mais perdeu foi o dos ‘não inscritos’ que eram 53 e são agora 27. Mas ainda há ajustes a fazer uma vez que nem todos os países ainda indicaram o seus deputados. Certo é que, desde 1 de Fevereiro, o Parlamento Europeu passou a contar com 705 deputados em vez dos 751.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho