Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +

Quando a distância aproxima

Geraldo Henriques

Quando a distância aproxima

Voz às Escolas

2020-05-27 às 06h00

Manuel Vitorino Manuel Vitorino

Apesar do regresso às aulas presenciais dos alunos dos 11.º e 12.º anos, às disciplinas que realizam exames nacionais, o ano letivo continua, para a imensa maioria dos alunos, na modalidade de ensino à distância.

Impuseram-se novas rotinas para docentes, alunos e encarregados de educação. Todos os envolvidos realizam novas aprendizagens, revelando uma notável capacidade de adaptação ao novo contexto. Gradualmente, reconfiguram-se metodologias de trabalho mais adequadas à era digital. Trabalhar as matérias, consolidar conhecimentos, desenvolver novas competências, avaliar, continuam a ser as preocupações centrais da comunidade escolar.

Neste tempo, que é singular, há também uma preocupação de cuidar: de manter o vínculo com escola, com os colegas e com os professores, com as famílias. Cuidar da saúde e do bem estar dos nossos alunos. Para além da resposta individualizada dos serviços de Psicologia e Orientação Escolar, muitos docentes ajudam alunos, a ultrapassar situações pessoais e familiares adversas, tendo no cuidar a extensão semântica do ensinar.

Também muitos pais ajudam nesta missão, que é de todos nós. Por exemplo, no Agrupamento de Escolas de Monserrate, a Associação de Pais da Escola do 1.º ciclo da Avenida, está a desenvolver um protejo dirigido à comunidade educativa, que conta com a participação de profissionais da área da saúde e de outras áreas, mobilizando a comunidade para a partilha de experiências e inquietudes decorrentes dos desafios que a pandemia trouxe às famílias.

Nos diretos realizados através das redes sociais, têm sido abordados ”os desafios e oportunidades que a pandemia trouxe às famílias, explorando a gestão da informação, a ansiedade e tristeza nas nossas crianças, as rotinas e a conciliação com as tarefas escolares, competências para a resiliência e a construção para uma narrativa de reforço da auto-estima” conforme refere a Sr.ª Presidente da Associação, no último contacto regular que mantém com a Direção, incentivando a comunidade a envolver-se na procura de caminhos partilhados.
Em preparação está a comemoração virtual do Dia Mundial da criança e a “Hora do Conto”, iniciativas que para além dos alunos e das famílias apelam ao envolvimento dos docentes e da Biblioteca Escolar.

Neste trabalho, como noutros semelhantes, há uma preocupação genuína com o papel da parentalidade positiva e o bem estar dos nossos alunos, e que em última instância, proporciona melhores aprendizagens. No contexto que experienciamos, a distância aproxima. Que bom!

Deixa o teu comentário

Últimas Voz às Escolas

29 Junho 2020

Ikigai

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho