Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Retinopatia diabética – saiba o que é e como prevenir!

6.º Festival de Órgão – Um retorno às novidades da tradição musical

Voz à Saúde

2019-01-29 às 06h00

Ana Catarina Guimarães

A retinopatia diabética (RD) é a principal causa de cegueira evitável entre os 20 e os 64 anos de idade. É uma das complicações microvasculares da diabetes, que afeta a retina, podendo provocar a diminuição da visão e cegueira.
A prevalência desta complicação varia de acordo com o tipo de diabetes e os anos de evolução da doença, em que cerca de 98 % dos Diabéticos do tipo 1 e 50 % dos de tipo 2 apresentam lesões ao fim de 20 anos.
Qualquer pessoa com diabetes pode desenvolver RD, mas existem fatores que aumentam o risco de desenvolver esta complicação:
- Duração da diabetes (o risco aumenta com os anos de evolução da diabetes);
- Mau controlo da glicemia (níveis de açúcar no sangue);
- Hipertensão arterial;
- Hipercolesterolemia;
- Gravidez;
- Tabagismo.
Inicialmente a RD evolui sem quaisquer sintomas, sendo que, quando estes surgem, habitualmente a doença já se encontra num estadio avançado. Os sintomas podem ser a perda gradual ou súbita de visão, manchas ou pontos no campo visual e visão turva. Estes sintomas podem estar presentes noutras patologias, pelo que não são específicos da RD.

O diagnóstico deve ser realizado numa fase em que o tratamento ainda é possível e eficaz. Os diabéticos do tipo 1, devem iniciar o rastreio 5 anos após o diagnóstico de diabetes, enquanto os diabéticos do tipo 2 devem realizar o rastreio no ano do diagnóstico de diabetes. Os doentes com retinografia normal ou seja, sem lesões de RD, são convocados para novo rastreio um ano depois, enquanto que os doentes com retinografia anormal são referenciados na plataforma eletrónica para uma consulta hospitalar de oftalmologia. O rasteio deve ser realizado anualmente.
O tratamento da RD além de incluir o controlo da diabetes, pode incluir a administração de medicação intra-ocular, fotocoagulação a laser ou cirurgia (vitrectomia).
Se é diabético pode diminuir o risco de desenvolver RD, ou prevenir o agravamento da mesma controlando a sua diabetes, a sua tensão arterial e os seus níveis de colesterol, através da adoção de hábitos alimentares saudáveis, tomando a medicação prescrita pelo seu médico, realizando exercício físico regular e não fumando.
Em caso de dúvida não hesite em procurar o seu Médico de Família. Lembre-se, cuide de Si! Cuide da Sua saúde!

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.