Correio do Minho

Braga, sábado

SIRESP 1

Os Novos Estatutos do Escutismo Católico Português

Ideias

2017-06-29 às 06h00

Paulo Monteiro

SIRESP - Sistema Integrado das Redes de Emergência e Segurança de Portugal.
O que é? Porque é que toda a gente fala dele? Porque falhou (se falhou)? Quanto custou (ou custa)?
Não vou responder a nenhuma das perguntas mas gostaria de reproduzir um filme dos acontecimentos (Pedrógão Grande) e, à posteriori, copiar alguns itens do acordo (ou acordos). No final cada um fará sua própria sentença sobre o assunto.
Hoje (e aproveitando a cronologia da Lusa) vamos só a factos. Amanhã, ou/e nos próximos dias, continuamos...
17 Junho:
19:45 - Detectadas falhas de comunicações no SIRESP.
21:12 - SIRESP informa sobre a queda de três estações da rede de comunicações (Serra da Lousã, Malhadas e Pampilhosa da Serra). Às 21:29, a ANPC pede que o SIRESP utilize estações móveis. Uma das carrinhas está inoperacional e uma segunda em reparação.
18 Junho: 04:05 - O comandante operacional da Protecção Civil nacional, Rui Esteves, garante que os meios de combate a incêndios enviados para Pedrógão Grande foram os adequados, mas as trovoadas secas eram imprevisíveis. 09:30 - Director nacional da Polícia Judiciária (PJ), Almeida Rodrigues, diz à Lusa que o incêndio de Pedrógão Grande teve origem numa trovoada seca, afastando qualquer indício de origem criminosa.
19 Junho: A conjugação “pouco habitual” de factores meteorológicos adversos e com “grande imponderabilidade” de previsão da localização levou ao incêndio que deflagrou no sábado em Pedrógão Grande, informou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).
20 de junho: 12:20 - O primeiro-ministro assina um despacho em que pede esclarecimento urgente sobre o funcionamento da rede SIRESP no incêndio de Pedrógão Grande e sobre os motivos da ausência de encerramento da Estrada Nacional 236-1, onde ocorreu um elevado número de mortes...
Amanhã continuamos...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.