Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Tempo de dietas ou... nem por isso

Um ciclo que se abre

Ideias

2018-06-08 às 06h00

Paulo Monteiro

O Verão está a chegar. Com ele chegam o calor, as idas à praia e a tentativa de mostrar excelente forma física... É mesmo. É verdade. Os portugueses preocupam-se em fazer dieta antes das férias, mas, na maior parte dos casos, esse esforço não dá lá grandes lucros...
Segundo um estudo revelado esta semana pela Jetcost, 88% dos portugueses reconhecem que se põem a fazer dieta e que, durante as férias, recuperam mais quilos do que perderam. De acordo com a mesma pesquisa, os portugueses passam em média cinco meses a tentar perder peso e só conseguem, em média, perder quatro quilos. Por outro lado, esse esforço de pouco lhes serve pois em média recuperam seis quilos. Este aumento é muito semelhante ao efeito yoyo... quando se faz uma dieta brusca e depois acaba por se engordar mais. Por isso é que devemos ter uma vida saudável, sem excessos, ao longo do ano, para evitar dissabores.

Mas o estudo tem ainda algumas curiosidades. Em relação ao tipo de dietas, 53% dos inquiridos revelaram que fizeram dieta baixa em hidratos de carbono e 41% uma dieta baixa em gordura. Por outro lado quando foi perguntado qual a razão de aumentar o peso durante as férias, 57% disseram que foi por não terem conseguido engatar... ou seja: ficaram tristes por não ter aparecido uma princesa ou um príncipe encantado e afogaram as mágoas na comida. Gesto, por sinal, já muito conhecido.
Por isso, o melhor é fazer exercício físico durante todo o ano, ter uma alimentação saudável e depois muito boa disposição quando os primeiros raios de sol e o calor chegarem...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.