Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +

Viajar promove a paz no mundo? Claro que sim...

Parecer (técnico)

Viajar promove a paz no mundo? Claro que sim...

Ideias

2019-07-05 às 06h00

Paulo Monteiro Paulo Monteiro

Viajar promove a paz no mundo? Promove. Claro que promove. Isso mesmo diz o estudo ‘The Value of Travelling 2019: Opening Our World’, elaborado pela momondo. Este estudo revela que mais de 50% dos inquiridos acredita que viajar ajuda a promover a paz no mundo, ao mesmo tempo que 83% dos inquiridos admite que os países devem unir-se para enfrentar os desafios que se apresentam no futuro.
Nas principais conclusões do estudo há a destacar: 83% acredita que os vários países do mundo devem unir-se para enfrentar os desafios que se apresentam no futuro; 70% concordam ou concordam fortemente que viajar lhes deu uma visão mais positiva sobre pessoas de outras culturas em geral, e 68% ficaram com uma visão mais positiva sobre diferenças e diversidade; mais de três quartos acreditam que é importante que as pessoas do mundo estejam mais próximas para resolver os desafios do futuro e 69% concordam que cada um de nós pode fazer alguma coisa para aproximar o mundo.
Através deste estudo, a momondo revela que a tolerância e o respeito pelos outros, em conjunto com a responsabilidade, são valores essenciais para transmitir aos filhos e que só através deles será possível fazer face aos desafios vindouros. Este inquérito é baseado nas respostas de 7300 participantes entre os 18 e os 65 anos e oriundos de 18 países.
Não há dúvida que viajar faz bem... e é uma forma de nos abrirmos mais a outras realidades e culturas, tornando-se nos mais suscetíveis de tolerar e respeitar a diversidade...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.