Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Arquivo enriquecido com seis mil fotogramas
Nova residência autónoma recebe cinco utentes em Maio

Arquivo enriquecido com seis mil fotogramas

Nasceram 1329 bebés no primeiro trimestre

Arquivo enriquecido com seis mil fotogramas

Vale do Ave

2021-03-03 às 06h00

Miguel Viana Miguel Viana

Espólio permite colmatar um vazio existente na história fotográfica de Guimarães. Fotogramas pertenciam ao espólio da Foto Simão e retratavam aspectos da vida na cidade, especialmente o centro histórico, nos anos 60 e 90 do século passado.

O Arquivo Municipal Alfredo Pimenta passou a integrar um espólio, composto por mais de seis mil fotogramas de vários formatos, adquirido pela Câmara Municipal à empresa José Carlos Moreira Fotografia. Os fotogramas datam dos anos 60 e 90 do século passado.
O processo de aquisição foi, segundo a autarquia vimaranense, “moroso e delicado” e arrastou-se por mais de uma dezena de anos. A compra foi agora concretizada “devido a? grande sensibilidade do seu sócio gerente, que garantiu a preservaça?o destes negativos, impedindo a sua destruiça?o, cedendo agora ao município de Guimara?es para garantir a sua preservaça?o”, referiu a autarquia em comunicado.
A vereadora da Cultura, Adelina Paula Pinto, considerou que “esta foi uma aquisiça?o que me deixou extremamente feliz, pois sabia da sua existe?ncia há algum tempo, sendo trabalhada pelos nossos técnicos há alguns meses, pois o seu valor é inestimável e retrata muito bem as vive?ncias do nosso centro histórico, com o edificado e as pessoas a terem uma grande predominância, o Vitória Sport Clube, a revoluça?o do 25 de Abril e as suas posteriores convulsões sociais e muitas outras instituiço?es e pessoas da nossa cidade. Temos aqui uma excelente base para uma melhor compreensa?o da segunda metade do século XX em Guimara?es, permitindo múltiplas actividades que podem ser realizadas”.
Os fotogramas integraram o espólio da Foto Simão e foram feitos ao longo de 40 anos. Focavam, essencialmente, o centro histórico de Guimarães, Património Cultural da Humanidade.
O município vimaranense destaca que “o espólio adquirido vem colmatar um vazio existente na história fotográfica de Guimarães”, sendo que ficará, naturalmente, mais enriquecida a partir deste momento.
Os fotogramas vão ser alvo de restauro e tratamento, por parte dos técnicos do Arquivo Municipal Alfredo Pimenta, e posteriormente serão disponibilizados para consulta a todos os utentes que desejarem apreciá-lo.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho