Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Atuação do Município de Guimarães reconhecida com Prémio Viver em Igualdade
Arte inclusiva para admirar nos espaços culturais

Atuação do Município de Guimarães reconhecida com Prémio Viver em Igualdade

Ricardo Rio critica Estado Central pela falta de apoio na resposta à pandemia

Atuação do Município de Guimarães reconhecida com Prémio Viver em Igualdade

Vale do Ave

2020-10-23 às 21h21

Redacção Redacção

Reconhecimento das boas práticas na integração da dimensão da Igualdade de Género, Cidadania e Não-Discriminação.

A Vereadora da Ação Social, Paula Oliveira, recebeu esta sexta-feira o Prémio Viver em Igualdade 2020/2021, atribuído pela segunda vez ao Município de Guimarães. Esta distinção surge no âmbito da iniciativa bienal promovida pela Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG).
A sessão realizou-se em S. João da Madeira e contou com a presença da Secretária de Estado para a Igualdade, Rosa Monteiro, assim como da Presidente da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, Sandra Ribeiro.
Paula Oliveira destaca que este é um prémio partilhados por todos que abraçam os projetos em prol deste desafio. “O Município de Guimarães assumiu, desde cedo, a transversalidade da igualdade de género na sua atuação, que se consubstanciou, primeiramente, na criação do Espaço Municipal para a Igualdade e, mais tarde, na implementação do Plano Municipal para a Igualdade de Género. Fruto do investimento de Guimarães nesta matéria, fomos reconhecidos pela segunda vez, com o Prémio “Viver em Igualdade”. Compete a cada um de nós contribuir para combater os preconceitos e os estereótipos de género, promovendo a inclusão e a igualdade de oportunidades, numa lógica de valorização da diversidade e de garantia da dignidade”, referiu a Vereadora da Ação Social da Câmara de Guimarães.
O Prémio “Viver em Igualdade” tem como objetivo distinguir e reconhecer Municípios com práticas, a nível interno e no âmbito do território, que promovam a territorialização, identificação e apropriação local dos objetivos da Estratégia Nacional para a Igualdade e a Não Discriminação 2018-2030 – Portugal + Igual, nas dimensões da igualdade entre mulheres e homens, da prevenção e combate à violência contra as mulheres e a violência doméstica, e a prevenção e o combate à discriminação em razão da orientação sexual, identidade e expressão de género, e características sexuais.
Nesta quinta edição do prémio o júri decidiu atribuir o Prémio a 15 Municípios do país, sendo que Guimarães foi distinguindo pela segunda vez.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho