Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Barcelos aprova programa de supressão e requalificação de 14 passagens de nível no concelho
Guerreiros do Minho apontam baterias a deslocação à madeira

Barcelos aprova programa de supressão e requalificação de 14 passagens de nível no concelho

Fecham 853 empresas do distrito no primeiro semestre de 2021

Barcelos aprova programa de supressão e requalificação de 14 passagens de nível no concelho

Cávado

2021-06-22 às 12h12

Redacção Redacção

São 14 as PN a intervir na área do concelho e onde há ainda circulação rodoviária e pedonal, sendo todas as intervenções previstas da responsabilidade da IP.

O Município de Barcelos e a Infraestruturas de Portugal (IP) elaboraram um programa de supressão e requalificação de passagens de nível (PN) no concelho, na sequência das várias reuniões de trabalho realizadas entre as equipas técnicas das duas entidades para a apreciação dos projetos de execução apresentados pela IP, que têm como objetivo contribuir para a eliminação do risco e da sinistralidade nas PN.
São 14 as PN a intervir na área do concelho e onde há ainda circulação rodoviária e pedonal, sendo todas as intervenções previstas da responsabilidade da IP.
A única PN da responsabilidade do Município, para a qual já está a ser elaborado o respetivo projeto, diz respeito à execução da passagem superior de acesso à Central de Camionagem, que permitirá eliminar a passagem pedonal para a Avenida das Pontes.
Até ao momento, foram validados os projetos de intervenção nas seguintes PN’s: PN 40,818 (U.F. Carreira e Fonte Coberta); PN 44,353 (Moure / U. F. Silveiros e Rio Covo Santa Eulália); PN 46,508 (Várzea); PN 46,886 (Várzea); PN 50,945 (Arcozelo); PN 51,126 (Arcozelo); PN 52,256 (U.F. Barcelos, Vila Boa, Vila Frescainha S. Martinho e S. Pedro); PN 61,432 + 62,123 (U.F. Quintiães e Aguiar); PN 62,621 (U.F. Quintiães e Aguiar)
Quanto às restantes PN’s, concretamente, a PN 53,956 (Silva), PN 56,692 + 57,156 (Carapeços) e PN 60,278 (Aborim), foi acordado proceder à reformulação das soluções, pese embora a sua execução e financiamento no âmbito das candidaturas a fundos comunitários integrar as que já se encontram validadas.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho