Correio do Minho

Braga,

- +
Câmara de Famalicão distribui máscaras, viseiras e luvas pelos lares
ISAVE: alegria e lágrimas na bênção das fardas

Câmara de Famalicão distribui máscaras, viseiras e luvas pelos lares

Bombeiros Voluntários querem ter empresas como sócias

Câmara de Famalicão distribui máscaras, viseiras e luvas pelos lares

Vale do Ave

2020-03-29 às 13h00

Redacção Redacção

MATERIAL começou a ser entregue ontem e é composto por 860 máscaras reutilizáveis. As luvas e as viseiras foram doadas por um particular.

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão começou a entregar, ontem, diverso material de protecção aos lares do concelho.
O equipamento tem como finalidade ajudar no combate à pandemia de Covid-19, e é composto por 860 máscaras, luvas de protecção e viseiras.
As máscaras são reutilizáveis e laváveis até um máximo de 30 vezes, com um tratamento hidrofóbico e antimicrobiano, e foram aprovadas pelo INFARMED (Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde), no dia 25 do presente mês, tendo obtido a classificação de 2 R.
As luvas de protecção e as viseiras foram doadas por um particular.
A entrega do material aos lares do concelho famalicense insere-se no Plano de Contingência Municipal de combate à pandemia de Covid-19.
Até ao momento, a autarquia famalicense já entregou um total que ronda is seis mil pares de luvas, mais de dez mil máscaras, centenas de viseiras e de óculos, dezenas de fatos, toucas e cobre--botas, tendo sido distribuídas pelas forças de segurança e socorro de Famalicão.
Entretanto a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão espera receber nos próximos dias alguns milhares de peças de protecção, avaliadas em cerca de 100 mil euros que permitirão reforçar a protecção das pessoas que trabalham nestas entidades e alargar este apoio aos Centros de Saúde de Famalicão e às Juntas de Freguesia que permanecem com Espaços de Cidadão e balcões de CTT (Correios) abertos ao público.
Paralelamente, o município mantém aberta uma campanha que apela à doação de material de proteção por parte de empresas e particulares de Famalicão para doações aos profissionais que estão na primeira linha de intervenção de combate à pandemia. Nesse enquadramento já foram doadas à Protecção Civil Municipal uma parte significativa do material já entregue.
O concelho de Vila Nova de Famalicão tem 21 lares, com um total de 700 utentes e 1300 trabalhadores.
Recorde-se que na semana passada o presidente da autarquia famalicense, Paulo Cunha, manifestou a vontade de que todos os séniores residentes nos lares do concelho e funcionários fossem testados à Covid-19, revelando que o município está disponível para custear os testes.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho