Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Carlos Teixeira venceu Concurso Municipal de Fotografia
“Há Cultura” em casa dos famalicenses

Carlos Teixeira venceu Concurso Municipal de Fotografia

Paulo Cunha “O que está a acontecer evidencia a necessidade de criar regiões”

Carlos Teixeira venceu Concurso Municipal de Fotografia

Braga

2020-01-29 às 11h38

Redacção Redacção

Bom Jesus foi o tema do XVI Concurso Municipal de Fotografia. Carlos Júlio da Costa Teixeira foi o vencedor, tendo sido entregues menções honrosas.

Carlos Júlio da Costa Teixeira foi o grande vencedor do XVI Concurso Municipal de Fotografia, que teve como tema ‘O Bom Jesus do Monte - Património Mundial da Humanidade’. Desenvolvido pelo Município de Braga, esta iniciativa visou essencialmente reconhecer e homenagear a atribuição da classificação do Santuário do Bom Jesus do Monte como Património Cultural da UNESCO.
Após analisar os trabalhos a concurso, o júri decidiu, também, atribuir Menções Honrosas aos concorrentes Marcelo Gonçalves Marques e José Gomes Peixoto, registando que estes trabalhos corporizam significativo mérito e qualidade, manifestando coerência e unidade no conjunto do portefólio apresentado.

Da mesma forma, foi atribuído o Prémio Especial do Júri ao concorrente João Manuel Morais Vilares, considerando que a foto distinguida revelava singularidade e sentido estético estimulando a observação. O júri, também por unanimidade, decidiu renovar o voto de reconhecimento e louvor à participação no concurso dos utentes do Centro D. João Novais e Sousa, instituição que acolhe e apoia pessoas com deficiência mental e cuja participação vem conferindo a esta iniciativa uma verdadeira dimensão social, genuinamente inclusiva.

Esta edição do concurso de fotografia decorreu nos dias 13 a 15 de Dezembro. A habitual exposição pública decorrerá na Fonte do Ídolo. Os trabalhos estarão patentes entre os dias 20 de Fevereiro e 20 de Março.
A XVI Edição do Concurso Municipal de Fotografia (2019) teve como tema ‘O Bom Jesus do Monte - Património Mundial da Humanidade’, na perspectiva da captação de imagens alusivas ao monumental conjunto arquitectónico, escultórico, natural e paisagístico que compõem o Santuário do Bom Jesus do Monte, com a sua grandiosidade, a sua diversidade cultural e a sua longa e complexa história. Simultaneamente, convidou à imaginação e ao olhar peculiar dos concorrentes a retratar a integridade, a autenticidade, as particularidades únicas e o valor universal excepcional que consagra o Bom Jesus do Monte como património de toda a humanidade.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho