Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Centro de Recolha de Animais em construção em Celorico de Basto
Escola de Guimarães com 55 alunos e 20 professores em quarentena

Centro de Recolha de Animais em construção em Celorico de Basto

Aprovada redução do IMI e de taxas em Viana do Castelo

Centro de Recolha  de Animais em construção em Celorico de Basto

Cávado

2020-08-05 às 13h00

Redacção Redacção

Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia está em fase de construção em Celorico de Basto. Equipamento fica pronto até ao final do ano.

A Câmara Municipal de Celorico de Basto está a investir mais de cem mil euros na construção do Centro de Recolha Oficial (CRO) de Animais de Companhia.
Com esta empreitada, o Município pretende dotar o concelho de um centro de recolha moderno, com todas as condições para o acolhimento e bem-estar dos animais de companhia.
“Este CRO pretende fomentar o bem-estar animal, promovendo a defesa da saúde animal e da saúde pública, e em simultâneo, assegurar maior segurança e tranquilidade das populações”, salientou o presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto numa visita às obras de construção do novo equipamento.
“Ao mesmo tempo, este centro de recolha irá contribuir para a sensibilização e consciencialização dos cidadãos para os direitos dos animais” acrescentou o edil celoricense. O autarca referiu ainda que as obras estão a decorrer a bom ritmo prevendo-se a sua conclusão antes do final deste ano. O Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia disporá de um bloco cirúrgico para esterilização de cães e gatos e de uma sala de enfermagem independente para tratamento e acompanhamento clínico dos animais alojados.
Zonas de exercício e sociabilização e uma área de tosquia e higienização são outras valências contempladas. O novo CRO terá as condições devidas para acolher, sempre que necessário, outras espécies animais.
A empreitada teve parecer favorável da Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) e foi adjudicada por 101.161 euros. A Câmara Municipal de Celorico de Basto conta com uma comparticipação de 43.782 euros, financiada por Orçamento de Estado, através de um contrato-programa assinado entre o Município, a Direcção-Geral das Autarquias Locais e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDRN).

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho