Correio do Minho

Braga, quinta-feira

Câmara de Vila Verde atribui 261 bolsas de estudo a alunos do ensino superior
Bracarenses nos Jogos Europeus Adaptados

Câmara de Vila Verde atribui 261 bolsas de estudo a alunos do ensino superior

TUB retomam circuíto turístico Braga- Bom Jesus

Cávado

2019-04-18 às 20h00

Redacção

O Executivo Municipal aprovou, na reunião de câmara a atribuição das bolsas do ensino superior residentes no concelho de Vila Verde, no montante global de 119 mil e 700 euros.

Na proposta de atribuição de bolsas de estudo a alunos que frequentam licenciaturas e mestrados pode ler-se que a melhoria dos níveis de formação e qualificação representa uma mais-valia para o desenvolvimento do capital humano, social e económico de um território e deve, por conseguinte, estar na primeira linha de prioridade das políticas públicas.

Esta clara aposta na elevação das qualificações dos jovens vilaverdenses contempla igualmente os alunos que frequentam os Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTSP).
De facto, esta medida de incentivo à frequência do ensino superior é um instrumento que o Município tem à sua disposição para potenciar o desenvolvimento humano, na medida em que ajuda a preparar os jovens para as oportunidades e para os desafios cada vez mais complexos de uma economia em crescente competitividade que reclama quadros técnicos à altura das exigências.

O crescimento do dinamismo empresarial, nos últimos anos, no concelho de Vila Verde, patente no aumento muito significativo da criação de empresas, tem também que ser acompanhado por uma aposta consistente na capacitação da mão-de-obra concelhia, para que os vilaverdenses encontrem no território concelhio oportunidades de trabalho aliciantes e se fixem nas suas freguesias de origem, ajudando, assim, a fazer face ao problema do despovoamento das zonas mais periféricas
Esta medida visa ainda e principalmente minimizar o impacto das diferenças socioeconómicas no acesso ao ensino superior, ajudando a proporcionar as mesmas oportunidades a todos os jovens vilaverdenses.

O presidente da Câmara Municipal de Vila Verde, Dr. António Vilela, refere que “a construção de um concelho solidário e inclusivo passa, em larga medida, pela criação de condições para que todos os jovens tenham acesso a uma educação de excelência que os prepare para os reptos da competitiva sociedade da informação, da inovação e do conhecimento em que vivemos.”

O edil sublinha que “o município de Vila Verde, além do forte investimento que tem vindo a realizar na integral requalificação do parque escolar concelhio, está ainda apostado em contribuir significativamente para que todos os vilaverdenses tenham as mesmas oportunidades em matéria de educação e de formação, para estarem preparados para integrar o elevado número de empresas que continua a nascer em Vila Verde e que necessitam de mão-de-obra cada vez mais qualificada.”  

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.