Correio do Minho

Braga,

- +
Congresso da hotelaria reúne 450 participantes em Viana do Castelo
Utentes do Novais e Sousa convidaram bracarenses a reflectir sobre a deficiência

Congresso da hotelaria reúne 450 participantes em Viana do Castelo

Arcos de Valdevez: Feira dos Doces e do Chocolate é “excelente oportunidade de negócio”

Congresso da hotelaria reúne 450 participantes em Viana do Castelo

Alto Minho

2019-11-21 às 12h44

Redacção Redacção

Organizado pela Associação da Hotelaria de Portugal, está a decorrer em Viana do Castelo o 31.º Congresso Nacional de Hotelaria e Turismo, que reúne 450 participantes.

O 31.º Congresso Nacional de Hotelaria e Turismo, organizado pela Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), começou ontem e prolonga-se até amanhã, em Viana do Castelo, reunindo 450 participantes, mais do que o inicialmente previsto.
Em 15 de Outubro, em Lisboa, o presidente da AHP, Raul Martins, disse que a estimativa era de cerca de 400 congressistas,”o mesmo número dos outros anos em que o congresso acontece fora de Lisboa”, mas fonte oficial da AHP disse à Lusa que as inscrições estão nos “450 congressistas”.
O 31.º Congresso Nacional de Hotelaria e Turismo, que termina amanhã, tem como tema ‘Portugal: Preparar o Amanhã’.

Aquando a apresentação do congresso, em 23 de Setembro, em Viana do Castelo, o presidente da associação anunciou que os cinco principais grupos hoteleiros portugueses (que representam cerca de 140 hotéis e mais de 20 mil quartos em Portugal) iriam participar no primeiro painel do congresso deste ano, que contará com mais cinco momentos.
“Em 2014, Braga foi palco deste congresso, pelo que, cinco anos depois, faz todo o sentido voltar ao Norte e realizá-lo, pela primeira vez, nesta cidade. Nestes últimos anos, muita coisa mudou, o turismo cresceu, surgiram projectos inovadores e o Norte tornou-se num dos destinos de preferência e referência do nosso país, tendo sido o destino que mais cresceu em 2018, com quatro milhões de hóspedes e quatro milhões de dormidas”, destacou o responsável da AHP na ocasião.
Organizado pela AHP, a maior associação hoteleira nacional, o congresso tem o apoio da Câmara de Viana do Castelo.

Raul Martins sublinhou a importância do debate em torno das perspectivas de um sector que “tem ciclos de expansão e contracção, estádios de maturação, concorrência e afirmação de modas, tendências e destinos”.
“Os anos mais recentes em Portugal foram os do ciclo de expansão. Que sinais há no horizonte? Continuaremos a crescer? Como, onde, em que mercados e em que segmentos? Que indicadores temos hoje que nos permitem antecipar o que será o amanhã?”, questionou.
O congresso começou ontem, ao início da noite, com uma mostra de produtos regionais.

Os dias de hoje e amanhã serão dedicados a debater temas como ‘Crescer a Norte’, ‘A Convergência Ibérica’, ‘O Investimento Hoteleiro em Portugal’ e ‘A Transformação da Indústria da Aviação’.
O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, marca hoje presença. Já amanhã, a secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, estará no encerramento do congresso.
Sobre o tema do segundo painel ‘Convergência Ibérica. As oportunidades de Portugal em Espanha – Como seduzir Espanha?’, vai falar a presidente executiva da AHP. A responsável da AHP lembrou que o mercado espanhol é o segundo em termos emissor de turistas, mas é o terceiro mercado em termos de receitas.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.