Correio do Minho

Braga,

- +
Curso História das Epidemias revela novidades da Covid-19
Cultura volta a sofrer com cancelamento de espectáculos em Ponte de Lima

Curso História das Epidemias revela novidades da Covid-19

Festa do Alvarinho convida a “experiência única” ao sabor dos vinhos e da gastronomia

Curso História das Epidemias revela novidades da Covid-19

Braga

2021-04-17 às 06h00

Miguel Viana Miguel Viana

Iniciativa junta Santa Casa da Misericórdia de Braga e a Universidade do Minho em cinco sessões online entre 7 de Maio e 4 de Junho. Objectivo é analisar como a sociedade reagiu a diferentes epidemias.

A Santa Casa da Misericórdia de Braga e o Centro de Investigação Lab2PT - Laboratório de Paisagens, Património e Território da Universidade do Minho (UMinho) realizam, entre os dias 7 de Maio e 4 de Junho, o curso livre sobre a ‘História das Epidemias em Portugal’. O curso é composto por cinco sessões, que decorrerão de forma online.
A iniciativa tem como finalidade dar a conhecer como a sociedade enfrentou as diferentes epidemias ao longo dos séculos. “Numa altura em que o mundo enfrenta uma pandemia à escala global, torna-se importante perceber e reflectir sobre outros contextos epidémicos na longa duração, no sentido de dar a conhecer o modo como as sociedades encaravam e procuravam combater as pandemias e as consequências delas resultantes, designadamente as de carácter económico, social, cultural e político”, explicou Bernardo Reis, provedor da Santa Casa da Misericórdia de Braga.

Bernardo Reis acrescentou que o curso também “vai de encontro ao papel que as misericórdias devem ter e assumir na actualidade, de valorização da cultura, do património e da promoção dos diversos públicos, através do desenvolvimento de acções formativas”.
Marta Lobo, investigadora do Centro Lab2PT da UMinho e uma das professoras convidadas para o curso, destacou que nas sessão serão dadas a conhecer as diferenças e semelhanças entre as várias epidemias.
“Uma dessas semelhanças é o medo. O medo do contágio, de ser infectado, da morte, dos que estão ao nosso lado. Tudo isso será tratado pelos investigadores”, indicou Marta Lobo.
Um dos intervenientes é Constantino Sakellarides, especialista em Saúde Pública

Carlos Valério, mesário da Santa Casa da Misericórdia de Braga e ex-director do Hospital de S. Marcos, frisou que os conteúdos abordados por Constantino Sakellarides “são relacionados com a avaliação das políti- cas públicas de saúde e o impacto das epidemias no sistema de saúde pública. Particularmente no caso da gripe e do Coronavirus (Covid-19), ele tem novidades para nos dizer, que não entram na informação geral”.
O curso conta com dezenas de inscrições de Portugal e do Estrangeiro (particularmente do Brasil). A primeira sessão tem como tema ‘As Epidemias na Época Medieval’ (Arnaldo Melo, UMinho). As Epidemias na Época Moderna’ é o assunto principal da segunda sessão (Laurinda Abreu). Marta Lobo aborda, na terceira sessão, ‘As Epidemias em Braga’. A sessão número 4 centra-se na ‘Gripe Espanhola e Outras Epidemias do Século XIX’ (Alexandra Esteves). Sekellarides encerra o curso, abordando questões ligadas à Covid-19.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho