Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Dérbi das emoções na luta pelo topo
Iuri Leitão e Mariana Afonso recebidos na Câmara Municipal após conquista de títulos internacionais

Dérbi das emoções na luta pelo topo

Ponte de Lima Aprovou a Empreitada de “Requalificação do Largo de Freixo”, pelo valor de 330.793€

Dérbi das emoções na luta pelo topo

Desporto

2020-10-25 às 07h30

Carlos Costinha Sousa Carlos Costinha Sousa

Vitória SC e SC Braga defrontam-se com os olhos postos nos lugares do topo da tabela classificativa. Conquistadores querem triunfo para aumentar vantagem pontos, enquanto Guerreiros do Minho procuram ultrapassar o rival vizinho.

E no D. Afonso Henriques se disputa hoje o jogo grande de jornada cinco da I Liga, na sua edição de 2020/2021. Conquistadores e Guerreiros do Minho degladiam-se no verde terreno de jogo a fim de lutarem pela conquista dos três pontos, com objectivos idênticos, mas que têm as suas diferenças.
As duas equipas estão muito próximas na tabela classificativa, separadas por apenas uma posição e um ponto, quando estão disputados, à partida para o jogo desta noite (20 horas), quatro jornadas. Os vitorianos estão na frente, na quinta posição, com sete pontos, mais um que os bracarenses, que surgem logo atrás na tabela classificativa.
E o objectivo para este jogo é igual para as duas equipas, ou seja, assegurar o triunfo. Se por um lado o Vitória Sport Clube quer vencer para manter-se na luta pelos lugares cimeiros da classificação e, ao mesmo tempo, aumentar a vantagem pontual que tem para um adversário directo, já o Sporting Clube de Braga procura vencer para subir na classificação geral, mantendo-se próximo dos primeiros classificados e, ao mesmo tempo, ultrapassar os vizinhos de Guimarães.
Uma luta com motivos para aquecer e que promete manter as emoções ao rubro, dentro e fora das quatro linhas, ainda que este seja o primeiro dérbi minhoto entre vimaranenses e bracarenses que não vai contar com a presença de público nas bancadas. E este foi um dos lamentos que as duas equipas já apresentaram - aliás, todas as equipas participantes nas provas do futebol nacional já o fizeram. Os adeptos fazem muita falta dentro do estádio.
No entanto, o jogo vai mesmo disputar-se sem público nas bancadas, mas parece também certo que, à imagem do que tem acontecido noutras partidas dos dois clubes, os adeptos vão fazer questão de de se manifestar nos arredores do Estádio D. Afonso Henriques, mostrando aos jogadores e estruturas técnicas dos dois clubes que podem contar com eles para apoiar... sempre e em qualquer circunstância.

Deixa o teu comentário

Últimas Desporto

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho