Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Desemprego aumenta em Agosto
Braga com 261 novos casos na última semana

Desemprego aumenta em Agosto

Cidade dos Arcebispos no ‘top 5’ das melhores cidades europeias para viver

Desemprego aumenta em Agosto

Economia

2020-09-23 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Desempregados inscritos no IEFP aumentaram significativamente em Agosto, no distrito de Braga. Há 32.552 pessoas sem trabalho, mais 945 do que em Julho e mais 6744 do que antes da pandemia.

No distrito de Braga, o número de desempregados inscritos no IEFP voltou a subir em Agosto, depois de dois meses em tendência oposta. Segundo as estatísticas agora divulgadas, o distrito tinha, no final do mês passado, um total de 32.552 desempregados, mais 945 do que em Julho.
Em comparação com Fevereiro, mês anterior ao início da pandemia, o distrito conta agora com mais 6744 desempregados.

Face ao mês de Julho, apenas três concelhos registaram em Agosto uma diminuição no número de pessoas sem trabalho: Celorico de Basto, que regista 837 desempregados, menos 45; Vieira do Minho, com 646, menos 22; e Terras de Bouro com 245 inscritos no IEFP, menos um.
Nos outros 11 concelhos, o desemprego aumentou.
O concelho de Braga continua a ser o que regista maior número de pessoas sem trabalho. Eram 7754 no último dia de Agosto, mais 203 do que em Julho.
Segue-se Guimarães, com 7178 desempregados, mais 262.
O ‘top 3’ fecha com Famalicão que registou mais 132 desempregados face a Julho, terminando o mês passado com um total de 4942 inscritos no IEFP.
Em quarto lugar surge o concelho de Barcelos, agora com 3113 desempregados, mais 187 do que em Julho.

Já Fafe registava no final do último mês 2255 desempregados, mais 53 do que em Julho.
Na casa dos milhares, encontramos ainda os concelhos de Vila Verde, com 1371 desempregados, mais 31 do que em Julho, e Vizela com 1130, mais 49.
Esposende contabilizou em Agosto mais 10 desempregados, para um total de 851 inscritos no IEFP.

A Póvoa de Lanhoso registou mais 28 pessoas sem trabalho, passando para um total de 838.
Cabeceiras de Basto fechou o mês passado com 712 desempregados, mais 10 do que em Julho.
Finalmente, Amares, contou mais 48 inscritos no IEFP, para um total de 632 desempregados em Agosto.

Desemprego desce no Alto Minho

Em sentido oposto, o Alto Minho viu o número de desempregados descer significativamente em Agosto. O distrito de Viana do Castelo tinha 6675 inscritos no IEFP, menos 229 do que em Julho. O desemprego desceu em todos os concelhos, excepto em Ponte da Barca que contou mais 11 desempregados, terminando Agosto com 300.
Viana do Castelo continua a ser o concelho com mais desempregados: 2474, menos 49 do que em Julho. Segue-se Ponte de Lima, com 1070 inscritos no IEFP, menos 49. O ‘top 3’ conta ainda com Arcos de Valdevez, que tinha 597 desempregados, menos cinco. Valença fechou Agosto com 578 desempregados, menos 39 do que em Julho; Monção tinha 72, menos 25; e Caminha contabilizou 443, menos 19 do que no mês anterior. Paredes de Coura aparece com 324 desempregados, menos 33; V. N. de Cerveira com 279, menos 15; e Melgaço com 138, menos seis.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho