Correio do Minho

Braga,

- +
EPATV: pedalada ecológica animou sete centros escolares
Ricardo Martins arbitra Forjães-Porto d’Ave

EPATV: pedalada ecológica animou sete centros escolares

Santa Lucrécia de Algeriz transformou-se na ‘Aldeia de Jesus’ durante dois dias

EPATV: pedalada ecológica animou sete centros escolares

Cávado

2019-11-19 às 16h16

Redacção Redacção

No primeiro dia, manhã cedo, 40 estudantes da EPATV iniciaram a pedalada que teve a primeira etapa no Centro Escolar de Turiz, tendo como lema “Pedalar por uma causa/Alterações Climáticas” com o objetivo de “sensibilizar os mais pequeninos sobre as alterações climáticas”. Nos dois dias, foram alcançadas com esta mensagem mais de 500 crianças do primeiro ciclo.

Meia centena de alunos, seis professores da EPATV (Escola Profissional Amar Terra Verde), e um pássaro, pedalaram, nos dias 15 e 18 de novembro, visitando sete Centros Escolares do concelho de Vila Verde numa entusiástica e animada jornada em defesa do ambiente e das alterações climáticas que mereceu os maiores elogios dos diretores das escolas contempladas com uma peça de teatro e uma dança.
Esta atividade está inserida nas comemorações do dia internacional das Eco-Escolas, que terminará na quarta-feira com o hastear da Bandeira Verde das Eco-Escola, atribuída pelo 12.º ano consecutivo.
No primeiro dia, manhã cedo, 40 estudantes da EPATV iniciaram a pedalada que teve a primeira etapa no Centro Escolar de Turiz, tendo como lema “Pedalar por uma causa/Alterações Climáticas” com o objetivo de “sensibilizar os mais pequeninos sobre as alterações climáticas”. Nos dois dias, foram alcançadas com esta mensagem mais de 500 crianças do primeiro ciclo.
A pedalada só teve descanso na EPATV (Escola Profissional Amar Terra Verde) em que esteve o vereador do ambiente da Câmara Municipal de Vila Verde, Patrício Araújo e a Diretora Pedagógica da escola, Sandra Monteiro. O vereador elogiou a postura gratificante e ambientalista da EPATV bem como a sua “disponibilidade para sair para fora dos seus muros para divulgar estes temas essenciais para o futuro do planeta”.
Em cada Escola, um grupo de alunos representou uma peça de teatro que abordava o aquecimento do planeta, os efeitos devastadores do consumo de combustíveis fosseis e alertava os mais pequenos para “não ficar de braços cruzados e começar a fazer alguma coisa”.
Entre os conselhos dados, estavam o “uso das energias renováveis, o uso de bicicleta e transportes públicos, a toma de duches mais rápidos, usar escadas e menos elevadores e desligar as luzes dos eletrodomésticos, sem esquecer a reciclagem e reutilização e o respeito pelo planeta, pelos animais, florestas e rios”.
“Foi extremamente positivo quer pelo envolvimento dos alunos da EPATV quer pela recetividade das muitas centenas de crianças que ouviram a nossa mensagem. Todos sabemos como eles vão interpelar os pais e familiares para novos comportamentos” — disse a prof. Paula Costa, após a dupla Jornada que terminou no dia 18, no Centro Escolar de Ribeira de Neiva. “Tivemos de limitar o número de alunos inscritos para fazer o percurso em bicicleta, por razões de segurança e logística” — destacou esta docente.
Este grupo de alunos e o Conselho Eco-Escolas continuaram a jornada no Centro Escolar de Prado num percurso de 40 Km, promovendo a mobilidade sustentável utilizando um transporte amigo do ambiente e que passou depois pelos Centros Escolares da Lage, Moure, Mons. Elísio Araújo, Vila Verde e encerrou na EPATV.
A equipa de alunos e professores (que incluía José Dantas e Clara Sousa teve como reforços os prof. José Carlos Dias e Pedro Arantes que pedalaram todo o percurso) receberam os parabéns das escolas visitadas por todas estas atividades solidárias, ambientais e culturais, sempre na linha da frente.
No termo da peça de teatro e dança, todos os diretores escolares assinaram um Pergaminho que evoca o compromisso de todos para que pequenos gestos possam fazer grandes mudanças, e será afixado na Biblioteca Municipal. Numa animada jornada do Clube Eco-Escolas da EPATV, promove o exercício físico e sensibiliza para a mobilidade sustentável e para uma causa que é uma emergência mundial, o aquecimento global.
Este programa culmina na próxima quarta-feira, dia 20, com uma dupla palestra às 11 horas sobre fotografia de natureza, com Carlos Rio e António Cunha, intercalada com uma intervenção do eng. Adelino Silva, sobre as alterações climáticas. A seguir é hasteada a Bandeira da Eco-Escola na EPATV, galardão atribuído pelo décimo segundo ano consecutivo.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.